Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    22/08/2018

    Vereador Carlão recebe Título de Cidadão Campo-grandense e concede honrarias a Sebastiana Contini, José Marcos e Pio Lopes

    Divulgação
    “Emocionado e muito honrado, assim resumo meu sentimento nesta noite em que recebi o Título de Cidadão Campo-grandense. Eu, um homem de origem simples, já fui servente de pedreiro na juventude. Tornei-me líder comunitário lutando contra as desigualdades sociais, pelo desfavelamento e moradia digna e cheguei a vereador de terceiro mandato nesta Capital Morena. Essa honraria serve de motivação para que possa me dedicar ainda mais em favor de todos os campo-grandenses, que assim como eu, são apaixonados por essa cidade. Avante Campo Grande!”. Assim o vereador Carlos Augusto Borges resumiu sua emoção ao receber o Título no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camilo durante a Sessão Solene de outorga de títulos de Cidadão Campo-grandense e Cidadão Benemérito, e da Medalha do Mérito Legislativo. Essas são mais altas comendas conferidas pelo Legislativo Municipal entregues em alusão ao aniversário de 119 anos da cidade, comemorado em 26 de agosto.
    Divulgação
    Carlão recebeu a honraria das mãos do também vereador William Maksoud Neto, e fez questão de destacar sua admiração pelo advogado William Maksoud filho (In Memoriam). Ao todo foram oitenta e cinco personalidades civis, militares, integrantes dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário, representantes de classe e profissionais das mais diversas áreas homenageados na solenidade. Todos, no entanto, com um ponto em comum: dedicaram suas vidas ao progresso e desenvolvimento de Campo Grande.
    Divulgação
    Carlão ofereceu a Medalha do Mérito Legislativo à advogada Sebastiana Contini, conferida pelo Decreto Legislativo n. 2.245/18. Ela atuou na Prefeitura Municipal de Campo Grande nos anos 80 e chegou ao cargo de Procuradora Municipal. Também exerceu os cargos de Chefe do Grupo de Planejamento, Coordenadora de Regularização de Áreas e Diretora Executiva na Secretaria Municipal de Assuntos Fundiários, sendo interinamente na função de Secretária de Assuntos Fundiários. Encerrou a carreira pública na Procuradoria-Geral do Município, exercendo o cargo de Procuradora Municipal na Coordenadoria de Assuntos Imobiliários.

    “Estou lisonjeada pelo reconhecimento ao meu trabalho!”, resumiu a procuradora aposentada. 
    Divulgação
    O arquiteto e urbanista José Marcos da Fonseca (61) recebeu das mãos do vereador Carlão o Título de Cidadão Benemérito, conferido pelo Decreto Legislativo n. 2.246/18. Natural de Campo Grande, casado e pai de três filhos. É membro do IAB-MS (Instituto dos Arquitetos do Brasil) no qual foi tesoureiro e conselheiro fiscal. É fundador do Sindicato dos Arquitetos de MS e foi conselheiro estadual do CAU (Conselho de Arquitetura e Urbanismo) de MS. Sócio-proprietário da empresa Marco Arquitetura e Engenharia. Exerceu o cargo de Secretário Municipal de Controle Urbanístico entre 1986 e 1988, Secretário Municipal de Planejamento e Coordenação Geral entre 1993 e 1996, Secretário Municipal de Controle Ambiental e Urbanístico, de 1997 a 2005, e Secretário Municipal de Meio Ambiente e Gestão Urbana, de 2017 a 2018.
    Divulgação
    “É uma alegria profunda receber essa honraria! Em reconhecimento ao trabalho desenvolvido ao longo de toda minha trajetória profissional. Tenho consciência que todos os homenageados estão recebendo o agradecimento dos campo-grandenses. É uma homenagem ao exercício da cidadania, por termos agido corretamente na cidade, com ações que contribuem para o convívio, ajudando na construção de um futuro. Temos que pensar nisso para que nos tornemos melhores cidadãos", discursou o arquiteto e urbanista José Marcos da Fonseca em nome dos homenageados.
    Divulgação
    O vereador Carlão ofereceu Título de Cidadão Campo-grandense ao jornalista Pio Lopes (63), conferido pelo Decreto Legislativo n. 2.247/18. Natural de Porto Murtinho, casado com Márcia Coelho Lopez, com quem tem duas filhas, atuou nos principais veículos sul-mato-grossenses em mais de quatro décadas de profissão. Trabalhou na TV Morena entre 1974 e 1989, como repórter, editor e apresentador dos principais telejornais da emissora, e também na TV Guanandi, onde apresentou o programa Agora. Ainda nas redações, foi um dos mentores da criação de dois jornais de grande circulação na Capital: o Primeira Hora, já extinto, e O Estado MS. Também atuou nas rádios FM Mega, FM Educativa UCDB e FM Capital. Foi diretor de comunicação social da Assembléia Legislativa de MS entre 1989 e 1996, coordenou o departamento de planejamento e comunicação em campanhas políticas e, atualmente atua na assessoria de comunicação da Câmara Municipal de Campo Grande.

    “Estou extremamente agradecido pela honraria!”, postou em suas redes sociais.

    ASSECOM


    Imprimir