Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    29/08/2018

    Tio estupra menina de 3 anos após mãe sair para culto no Universitário

    ©Ilustração
    Um pintor de 33 anos passa por audiência de custódia nesta quarta-feira (29) suspeito de estuprar uma menina de 3 anos, no dia 27 de agosto, no bairro Universitário, em Campo Grande.

    O homem é tio do ex-marido da mulher de 42 anos, mãe da menina. Segundo o depoimento da mulher, a criança considera e chama o autor de tio. No dia 27 deste mês, o suspeito que mora na mesma região foi até a casa da feirante a convite dela para tomar tereré.

    Na residência estavam a criança, a mulher e o irmão da feirante. A menina estava no quintal brincando com pintinhos, quando os bichinhos foram retirados dela. Ela começou a chorar e o pintor pediu para levar a menina para a casa dele, já que lá tinha filhotes de cachorro e ela poderia brincar. O suspeito ainda teria dito que sua mãe estaria na residência.

    Como a mulher ia sair para o culto permitiu que o homem levasse sua filha afirmando que na volta passaria para buscá-la. Mas, quando retornou pediu para que seu irmão fosse buscar a filha.

    Quando o ajudante de pedreiro chegou a casa do pintor para pegar a sobrinha encontrou a menina só de camiseta, sem calcinha e calça em cima da cama do suspeito, que disse que a mãe dele teria dado banho na menina, e por isso, ela estava sem roupas.

    Desconfiado, o homem levou a menina e quando chegaram em casa a mãe da criança perguntou o que havia acontecido, momento em que a filha contou com gestos e palavras que o tio teria passado a mão e a língua em suas partes íntimas.

    Neste momento, a feirante e o irmão foram até a casa do pintor e chamaram a polícia. Ele foi preso em flagrante e passa por audiência de custódia nesta quarta (29). Em depoimento, ele negou que tenha cometido o crime.

    Fonte: Midiamax
    Por: Thatiana Melo e Mariana Rodrigues 


    Imprimir