Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    28/08/2018

    ELEIÇÕES 2018| Candidatos caminham, gravam e concedem entrevista nesta terça-feira

    Mato Grosso do Sul tem seis nomes que vão concorrer ao cargo de governador do Estado neste ano

    Reprodução
    Nesta terça-feira (dia 28), os candidatos ao governo de Mato Grosso do Sul caminham, gravam programa, concedem entrevista - agendas que já têm sido rotina desde 16 de agosto, quando começou oficialmente a corrida eleitoral.

    Juiz Odilon, do PDT, tem encontro marcado em emissora de rádio, das 7h20 às 8 horas. Na sequência, se reúne com apoiadores. Das 10 às 12 horas, caminha na avenida Coronel Antonino e, das 14 às 18 horas, grava programa eleitoral. Às 19 horas, o candidato tem reunião com o núcleo de base.

    Do PV, Marcelo Bluma concede entrevista à rádio em Bandeirantes às 9 horas e, às 10h30, grava programa eleitoral para televisão. Encerra a programação de hoje com gravações para o rádio, das 14 às 18 horas.

    O governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, candidato à reeleição pelo PSDB, tem agenda interna durante a manhã. Às 14 horas, está prevista gravação de entrevista na Uems (Universidade Estadual de MS).

    Às 19 horas, o tucano vai ao lançamento de campanha do deputado Beto Pereira (PSDB), na avenida Dr. José Paniago, 13, em Terenos, 25 km de Campo Grande.

    Junior Mochi, do MDB, participa da sessão, às 9 horas, na Assembleia Legislativa, onde além de exercer mandato de deputado estadual, preside a casa de leis. Às 11h50, concede entrevista à rádio FM Cidade e, às 12h40, concede entrevista ao programa Balanço Geral.

    Depois, o candidato vai para Costa Rica, 305 km de Campo Grande, onde, às 17 horas, tem caminhada. Às 18h30, participa do 3º Circuito de Desenvolvimento.

    O candidato do PT, Humberto Amaducci, caminha no bairro Paulo Coelho Machado, na avenida dos Cafezais, às 9 horas. Às 15 horas, tem entrevista na Uems e, às 16 horas, caminha pelo bairro Santo Eugênio. A agenda encerra com participação, às 19 horas, do Seminário do Programa de Governo, no auditório da Fetems (Federação dos Trabalhadores em Educação).

    João Alfredo, postulante do PSOL, não divulgou a agenda de campanha até o fechamento e publicação deste texto.

    Fonte: campograndenews
    Por: Mayara Bueno


    Imprimir