Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    13/05/2018

    Nove cidades de Mato Grosso do Sul comemoram aniversário neste domingo

    Vista aérea de Angélia ©Divulgação
    Neste Dia das Mães, 13 de maio, nove municípios de Mato Grosso do Sul comemoram suas emancipações político-administrativas. São eles: Aral Moreira, Sete Quedas, Tacuru, Eldorado, Mundo Novo, Itaquiraí, Bodoquena, Deodápolis e Angélica.

    Tacuru, distante 427 km de Campo Grande, completa 38 anos de emancipação e a programação para comemoração do dia é “recheada”. Além de shows musicais, a Prefeitura inaugura e lança obras e atividades esportivas, entre elas o 19º Encontro Interestadual de Clubes de Laço. O município também recebeu decoração especial.

    Aral Moreira, distante 364 km da Capital, completa 42 anos de existência neste domingo, mas antecipou as comemorações para a última sexta-feira (11) com show da dupla Jads e Jadson. A programação será encerrada no domingo, dia 14, com desfile cívico.

    Sete Quedas, a 471 km de Campo Grande, é a cidade considerada mais fria, de Mato Grosso do Sul, devido a sua localização, por causa da altitude e posição em relação à recepção de massas polares vindas da Argentina. O município completa hoje 38 anos. A cidade está localizada perto de Tacuru e Paranhos e a 77 km de Guaíra, Paraná.

    Eldorado completa 42 anos de história. A cidade está situada às margens do Rio Paraná, no extremo sul de Mato Grosso do Sul, e divisa com Paraná, na posição central rodoviária da região chamada Cone Sul.

    Mundo Novo completa 42 anos de emancipação. A cidade faz divisa com Guaíra e tem um grande atrativo que é a prainha, do rio Paraná. Faz fronteira com a cidade paraguaia de Salto del Guairá, um proeminente centro de compras de livre comércio.

    Bodoquena, nome tupi-guarani que significa "nascente em cima da serra", também faz aniversário de emancipação de 38 anos, hoje. O município, distante 266 km de Campo Grande, é escolha de muitos turistas, devido suas belas paisagens e cachoeiras, como a Boca da Onça e Buraco do Macaco.

    A festa começou no dia 9 e encerra neste domingo com atrações musicais, ações sociais, esportivas, culturais e desfile cívico. Ainda neste domingo, atletas de todo o estado participam do desafio de Mountain Bike organizado pelo departamento de Esportes durante a programação de aniversário.

    Itaquiraí completa 37 anos de emancipação com festa para os trabalhadores. O município, a 410 km de Campo Grande, decidiu adiar um passeio ciclístico, do Dia do Trabalhador, para este domingo.

    Até o século 18, a região era ocupada, pelos índios terenas e caiuás. A partir de então, começou a ser desbravada por bandeirantes. Em 1963 foi elevada a distrito pertencente a Ponta Porã com o nome de Itaquiraí e, posteriormente, passou a pertencer aos municípios de Amambai e Iguatemi. Em 1980, separou-se de Iguatemi, tornando-se um município autônomo.

    Deodápolis, a 252 km de Campo Grande, comemora 39 anos neste domingo. O município com pouco mais de 11 mil habitantes é formado pela Vila Deodápolis e comunidades adjacentes (Lagoa Bonita, Presidente Castelo, Vila União e Porto Vilma).

    E por fim, Angélica faz 54 anos hoje. Segundo os desbravadores, o nome do município é homenagem a uma senhora que oferecia comida e hospedagem aos forasteiros que passavam nas margens do rio Ivinhema. Sendo assim, o lugar ficou conhecido como Porto Angélica, mais tarde quando o vilarejo se torna município deu-se então o nome de Angélica, em homenagem à referida senhora.

    Em março deste ano, moradores do pacato município comemoraram a chegada de Ismaily à Seleção Brasileira. A população saiu pelas ruas fazendo um buzinaço, com carros, motos e caminhonetes. O lateral que joga há 5 anos no Shakhtar Donetsk, nasceu em Mato Grosso do Sul e vestiu a camisa oficial do Brasil pela primeira vez.

    Fonte: campograndenews
    Por: Danielle Valentim
    Imprimir