Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    13/05/2018

    Homem tenta matar segurança em festa e acaba ferido e preso pela Força Tática

    O suspeito efetuou quatro disparos contra a vítima

    A arma foi apreendida ©Celso Daniel/Patrulha News
    Um homem de 25 anos foi preso pela Força Tática da Polícia Militar na madrugada deste domingo (13) depois de tentar matar um segurança de um clube noturno em Três Lagoas. O suspeito foi surpreendido pela equipe policial e acabou sendo ferido.

    Segundo informações obtidas pela reportagem do Patrulha News através do boletim de ocorrência, por volta das 04h10 a equipe da Força Tática realizava patrulhamento pela avenida Maria Guilhermina Esteves no bairro Nova Três Lagoas. A equipe parou próximo a um clube noturno, pois era horário em que uma festa estava sendo encerrada e para manter a ordem pública na região, os policiais observavam a saída dos frequentadores do local.

    Em determinado momento, por volta das 04h40 os militares ouviram disparos vindos do interior do clube e realizaram um procedimento padrão de verificação.

    Dois policiais em posição de intervenção, chegaram na calçada do estabelecimento e viram quando o suspeito que estava armado saía do local, pois testemunhas davam as características do autor dos tiros. Foi dada ordem de que ele soltasse a arma, mas como o suspeito não obedeceu a voz de comando dos policiais, um disparo foi efetuado por um policial. O tiro atingiu o braço do suspeito que soltou a arma. Ele recebeu voz de prisão e foi socorrido para o pronto socorro do hospital em Três Lagoas.

    TENTATIVA DE HOMICÍDIO

    Em conversa com a vítima de 28 anos - que é segurança do local durante eventos -, ele contou aos policiais que a festa transcorria normalmente quando ele viu que uma mulher estava em pé, dançando sobre uma cadeira. O segurança pediu que ela descesse e viu que o suspeito - que estava em companhia da mulher - ficou irritado e começou a seguir a vítima dentro do estabelecimento enquanto a festa continuava.

    Ainda durante a festa, o homem se aproximou do segurança e disse para a vítima que na próxima vez que ele falasse algo para a mulher, a vítima ia “se dar mal”. Houve uma discussão entre os dois é um princípio de briga, mas logo outros seguranças conseguiram controlar a situação. A vítima sofreu escoriações e teve a camiseta rasgada pelo suspeito.

    No fim da festa, os seguranças pediam para que os últimos frequentadores saíssem do local e foi nesse momento que o homem armado voltou ao estabelecimento e ao entrar no salão, começou a “caçar” a vítima.

    O segurança percebeu que seria ferido e começou a fugir enquanto o suspeito efetuou cerca de três disparos contra a vítima que não foi atingida, pois se escondeu atrás de uma parede. O homem ainda efetuou um quarto disparo contra a vítima antes de sair e ser surpreendido pelos policiais.

    O revólver calibre 32 foi apreendido e o suspeito permaneceu internado na unidade de saúde para atendimento médico necessário. Ao receber alta, ele será levado para a Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) e deverá ser autuado em flagrante permanecendo preso a disposição do Poder Judiciário.

    Fonte: Patrulha News
    Por: Celso Daniel
    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS