Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    12/02/2018

    Coluna do Roberto Costa


    HIPOTETICAMENTE I – André Puccinelli (candidato a governador), Odilon de Oliveira (vice) e Reinaldo Azambuja (senador), mesmo parecendo uma composição improvável, não deixa de ser um sonho. 

    HIPOTETICAMENTE II – Reinaldo Azambuja (candidato a governador), André Puccinelli (vice) e Odilon de Oliveira (senador) é outro devaneio político que circula no Estado. Será Possível? 

    HIPOTETICAMENTE III – Odilon de Oliveira (candidato a governador), Reinaldo Azambuja (vice) e André Puccinelli (senador), é a chapa que as lideranças pedetistas gostariam de apresentar. 

    CONCLUSÃO – Como em política tudo é possível, as hipóteses acima são perfeitamente realizáveis. Quem é que nos garante que tais costuras não estejam acontecendo? 

    RECONHECIMENTO - O advogado trabalhista e escritor, José Carlos Manhabusco, conquistou aos 54 anos de idade a desejada Medalha de. Mérito Jurídico Advogado Heitor Medeiros. 

    ESQUECIDINHO – O ex-bilionário Eike Batista acaba de anunciar que pretende ser um dos 81 integrantes do Senado da República. Será que a Lei da Ficha não serve pra ele? 

    COTADÍSSIMO – Carlos Eduardo Xavier Marun, que é sul-mato-grossense por opção de escolha, se os boatos forem verdadeiros, será o nome do MDB para disputar o cargo de Presidente da República. 

    AUTORITÁRIO I - O deputado federal Fábio Trad (PSD-MS) fez duras críticas à maneira como o Governo Federal conduz os debates e os trabalhos para a aprovação da Reforma da Previdência no Congresso Nacional. 

    AUTORITÁRIO II - Segundo ele, além da demonstração de falta de diálogo com a sociedade, o Palácio do Planalto expõe um “caráter autoritário, fascista e totalitário”, atribuindo ao parlamento uma função meramente figurativa. 

    CÂMARA FEDERAL – Já a vice-governadora Roseane Modesto de Oliveira (Professora Rose), admitiu recentemente que pretende ser um dos nomes do PSDB na disputa pela cadeira de deputada federal. 

    FICHA LIMPA – Os partidários de um terceiro mandato presidencial para Luiz Inácio Lula da Silva ainda não dispõem de um plano ‘b’ para ir às urnas nas próximas eleições. É que Lula está inelegível! 

    CEREJA DO BOLO – O prefeito de Campo Grande, Marquinhos Trad, do PSD, está sendo cortejado pelos pré-candidatos ao Governo do Estado. Marquinhos ainda não se posicionou. 
    “A alegria está na luta, na tentativa, no sofrimento envolvido e não na vitória propriamente dita”. GANDHI 


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS