Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    23/01/2018

    Mulher 31 anos foi morta com pelo menos 18 facadas pelo namorado

    Crime aconteceu por volta das 21h30 de ontem (22), na Rua Internacional, no Bairro Santa Emília, região sul da Capital.

    Bruno Mendes posa para foto com Katiúsce. Ele é acusado de ter matado a mulher com 28 facadas (Foto: reprodução/Facebook)
    Foi identificada como Katiuce Arguelho dos Santos, 31 anos, a mulher morta com pelo menos 18 facadas em uma casa, por volta das 21h30 de ontem (22), na Rua Internacional, no Bairro Santa Emília, região sul de Campo Grande. O principal suspeito de ter cometido o crime é Bruno Mendes de Oliveira, 29 anos, namorado da vítima, que fugiu e ainda não foi localizado.

    Conforme a Polícia Civil, no corpo da vítima foram encontrados seis ferimentos no braço direito, nove no esquerdo, dois no pescoço e um nas costas. A mulher foi localizada caída de barriga para baixo na sala da residência do namorado. Ela deixou seis filhos. A idade das crianças não foi informada.

    Segundo informação de familiares de Katiuce à polícia, a vítima havia ido à casa de Bruno para contar que tinha reatado com o ex-marido. Às 18h18 desta segunda-feira (22), segundo a irmã, a vítima respondeu por WhatsApp a última mensagem para o ex-marido dizendo que não iria para o mercado com ele. Estima-se que o crime ocorreu por volta das 18h30.

    O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga e será investigado pela Deam (Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher). 

    Violência - Esse é o terceiro caso de feminicídio registrado neste mês em Mato Grosso do Sul. Na tarde de domingo (dia 14), Halley Coimbra Ribeiro Junqueira, 38 anos, foi morta com três tiros pelo ex-marido, Renato Bastos Ottoni, 62 anos. O crime aconteceu na casa onde a vítima morava com as três filhas de 15, 5 e 3 anos, no Jardim Santa Júlia, em Três Lagoas. Ele foi encontrado morto dias depois após atirar contra a própria cabeça. 

    No dia 10, Thalita Vieira Leandro Seladia, 19 anos, foi assassinada com tiro na testa pelo marido, Irineu Bairros. O caso foi registrado, na Rua Leonel Barbosa de Souza, em Vista Alegre, distrito de Maracaju.

    Fonte: campograndenews
    Por: Viviane Oliveira e Bruna Kaspary


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS