Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    27/12/2017

    Marun nega pressão a governadores por apoio à Reforma da Previdência

    'Estamos conversando com governadores beneficiados por ações do governo', argumentou

    © Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil
    Um dia após admitir que o governo troca a liberação de recursos federais e de bancos públicos por apoio dos governadores à Reforma da Previdência, o ministro da secretaria de Governo, Carlos Marun, disse não haver nenhum condicionamento em questão.

    "Estamos conversando com governadores beneficiados por ações do governo no sentido de que nos auxiliem a aprovar. Eu dizia que os Estados são tão ou mais interessados que o Governo na modernização da Previdência brasileira”, argumentou em entrevista à Rádio Jovem Pan.

    “Eu vou conversar com todos os governadores que estão sendo beneficiados por ações diversas do Governo para que nos auxiliem. O Governo é público. Todos os órgãos são públicos, todavia são ações de Governo esses financiamentos. Se não fossem, poderiam ser procurados bancos particulares. Ações de Governo que muitas vezes não são reconhecidas por aqueles beneficiados”, prosseguiu.

    Fonte: NAOM


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS