Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    12/12/2017

    Corumbá vai rimar bugre com estrelas sexta-feira

    Jornalista Edson Moraes lança seu primeiro livro na cidade em que nasceu

    © Arquivo
    A Casa da Memória Dr Gabi, atual sede da Fundação de Cultura e Patrimônio Histórico de Corumbá-MS, é o cenário escolhido pela Prefeitura para o lançamento de “Bugre Rima nas Estrelas”, um livro de poesias que assinala o ingresso do jornalista Edson Moraes no universo literário.

    Lançada há somente duas semanas (em Campo Grande, dia 1º, e na III Feira Literária de Bonito, dia 7), a obra já está em sua segunda edição e agora oferece ao poeta uma circunstância afetiva especial: o lançamento na cidade em que nasceu e em um ambiente arquitetônico que conhece muito bem. A Casa da Memória Dr Gabi é a antiga residência do pecuarista e mecenas cultural Gabriel Vandoni de Barros, com quem o jornalista experimentou uma produtiva convivência na metade dos anos 1970.

    “Em 1976, com apoio estrutural do advogado Breno Ápio Bezerra, filho do ex-senador Vicente Bezerra Neto, eu e o tipógrafo Manoel Joaquim de Oliveira Gomes, todos estes de saudosa memória, decidimos fundar um jornal diário, [O Tempo]. Fomos atrevidos. Não tínhamos lucro financeiro algum, só prejuízos. Mas resistimos alguns anos graças ao apoio de profissionais liberais, de amigos e sócios do Breno Bezerra, vez por outra uma mídia da Prefeitura e, sobretudo, de amigos e incentivadores, um deles o Dr Gabi. Eu não ia à casa dele com a freqüência desejada, mas foram sempre encontros produtivos, de conhecimento, de conversas que iam desde suas histórias até os desafios contemporâneos. Ele não era só um intelectual extraordinário, era um ser humano muito diferenciado. Via o mundo de todas as formas, mas a melhor era quando o explorava pelo avesso, provocando o imponderável para extrair dele a poesia, o som, a cor. Fazia isso como se fosse o seu personagem literário predileto, Dom Quixote de La Mancha, o lendário personagem de Cervantes”, recorda Edson Moraes.

    Advogado, jornalista, escritor, deputado, pecuarista, patrocinador da arte, memorialista e obsessivo por justiça, Dr Gabi deixou sua casa como símbolo atemporal da universalidade cultural dos pantaneiros. Sem descolar de sua aldeia, arriscava-se a trazer o mundo para bem perto, como indica o estilo arquitetônico da residência, desenhada em combinações de influências européias e temperada por traços da rude e fascinante simplicidade dos casarões das fazendas. “Lançar meu primeiro livro nesta casa não tem como dimensionar”, enfatiza.

    Chancelado pela Biblio Editora, “Bugre Rima com Estrelas” tem prefácio de dois autores regionais, Sylvia Cesco e André Luiz Alvez, presidente da União Brasileira de Escritores-MS. Tem também as apresentações do músico e compositor Geraldo Espíndola; do cineasta Joel Pizzini; da documentarista e produtora de conteúdo Mara Silvestre; da presidenta do Instituto Ecoar pela Cidadania, Míriam Duailibi; e do ator Chao Chen, da Rede Globo de Televisão.

    O nome do livro guarda as relações do autor com sua composição genética (é filho de pais com ascendência predominante de índios e negros), retrata uma das reportagens que mais marcaram sua vida profissional (a luta do povo guató pela sobrevivência) e a poesia de Pedro de Medeiros “Lenda Bororo”. Os versos contam, segundo o povo bororo, que Corumbá, de um punhado de estrelas que Deus atirou no espaço, foi a única que chegou à terra e tornou-se uma cidade linda.

    Serviço

    O lançamento em Corumbá acontecerá às 19h30m da próxima sexta-feira, 15, na casa da Memória Dr Gabi (Rua Cuiabá, esquina com a Rua XV de Novembro, Centro).




    Fonte: ASSECOM


    Imprimir