Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    19/12/2017

    Barbosinha deve retornar à Assembleia quinta-feira, diz deputado

    José Carlos Barbosa vai deixar a Sejusp e retornar ao mandato de deputado estadual

    José Carlos Barbosa deve retomar seu mandato ainda neste ano na Assembleia (Foto: Arquivo)
    Após deixar o comando da Sejusp (Secretaria de Justiça e Segurança Pública), José Carlos Barbosa deve reassumir seu mandato na Assembleia, na última sessão do ano, marcada para quinta-feira (21). Esta informação foi repassada pelo deputado Rinaldo Modesto (PSDB), líder do Governo.

    "Conversei com o Barbosinha que me disse que volta quinta-feira, retornando para seu mandato aqui na Assembleia. O (Coronel) David nos deixa aqui no legislativo, por onde fez um excelente trabalho, também cuidando da parte de segurança pública", disse Rinaldo.

    O líder do Governo também fez questão de elogiar o novo secretário de Segurança Pública, Antônio Carlos Videira, que já ocupava anteriormente o cargo de secretário adjunto. "Uma boa pessoa, que tem conhecimento no setor e uma longa trajetória na Polícia, principalmente na região de fronteira".

    Para o tucano, Videira vai dar sequência ao trabalho desenvolvido na Sejusp, até porque já fazia parte da equipe. "Temos um ótimo material humano e bons índice na segurança pública, tanto que Mato Grosso do Sul foi considerado o terceiro mais seguro do País", ponderou.

    José Carlos Barbosa tinha adiantado na semana passada, que teria uma reunião com o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), para agendar sua saída da Sejusp. Também ponderou que "tinha feito sua parte", com a redução dos índices de criminalidade e aumento na elucidação de crimes, além dos investimentos em estrutura, armamento, equipamentos e carreira.

    Ele retorna para Assembleia, um ano e oito meses, com a intenção de terminar seu mandato no legislativo e buscar a reeleição para o cargo de deputado. Desde o começo do segundo semestre, já tinha anunciado que voltaria para a Casa de Leis em outubro, porém a pedido do governador, terminou de fazer a entrega de viaturas e outras agendas, antes de retornar.
    Coronel David terá que deixar o legislativo, com o retorno de Barbosinha (Foto: Assessoria/ALMS)
    Saída - O deputado Coronel David (PSD), que era suplente de Barbosinha, terá que deixar o mandato de deputado. Inclusive era um dos cotados para assumir a Sejusp. Ele até admitiu que estava conversando com o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) sobre o assunto, mas nunca foi confirmado um acerto sobre a questão.

    David não quis comentar a saída da Assembleia, mas tinha declarado antes que seu plano para 2018 era buscar a reeleição no legislativo. Também revelou que recebeu um convite do PSD, feito pelo ministro Gilberto Kassab, com o apoio do presidente regional, Antônio Lacerda e do prefeito Marquinhos Trad (PSD).

    "Estamos conversando e gostei do convite. Apenas informei que vou apoiar o (Jair) Bolsonaro no ano que vem, e eles disseram que não haveria problema". David adiantou que deve continuar no PSC até a abertura da janela partidária, para então fazer a mudança.

    Fonte: campograndenews
    Por: Leonardo Rocha


    Imprimir