Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    31/01/2019

    Balanço mandato do deputado João Grandão

    A nossa luta continua!

    ©DIVULGAÇÃO
    No dia 1º de fevereiro de 2015, assumi o cargo de deputado estadual e iniciei as atividades do nosso Mandato Popular e Participativo, na Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul. Antes disso, tive a oportunidade de ser vereador em Dourados entre os anos de 1996 e 1998, e Deputado Federal por dois mandatos, entre 1999 e 2007, no Congresso Nacional. Cheguei à ALMS com o firme propósito na defesa do fortalecimento da educação pública , agricultura familiar, da reforma agrária, das questões indígenas e quilombolas. 

    Coloquei também o nosso Mandato Popular e Participativo para marcar presença e atuar firmemente na luta a favor dos direitos humanos e sociais, da política estadual da assistência social, dos direitos da pessoa idosa, da moradia digna, da implementação e do fortalecimento de uma política estadual de segurança alimentar e nutricional e da valorização dos servidores públicos do nosso Estado, além de assumir o compromisso de trabalhar, incessantemente, pelo fortalecimento dos movimentos sociais e sindicais. Vale ressaltar, ainda, que atuei, sistematicamente, com toda a nossa bancada do PT (Partido dos Trabalhadores) em defesa do aperfeiçoamento de nossas instituições democráticas, pela liberdade, pela ética, pela transparência em todos os atos da vida pública, na construção de um Mato Grosso do Sul de justiça e inclusão social.

    Para atingirmos estes objetivos, foi essencial a atuação coletiva da bancada do nosso partido, principalmente em atividades dos movimentos sociais, do campo e da cidade. E, hoje, 31/01/2019, ao encerrar nosso Mandato Popular e Participativo, avalio que conseguimos conquistar muitos avanços em várias áreas da nossa atuação. Sei que ainda há muito por fazer. Enfatizo que continuarei na luta sempre em defesa da população sul-mato-grossense. 

    Agradeço a todos pela oportunidade de convivermos e lutarmos coletivamente, durante 4 anos. Enfrentamos momentos bons e momentos difíceis, mas, especialmente os de luta intensa em defesa da democracia em nosso país.

    Quero também agradecer de maneira especial a minha família e o empenho, dedicação e amor ao trabalho de toda a nossa assessoria, de todos os nossos apoiadores, de todos os movimentos sociais, sindicais e de nossa militância. 

    Meu abraço fraterno, e até breve!



    Imprimir