Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    12/11/2018

    Justiça Federal determina adiamento das eleições para presidente da OAB/MS

    Comissão Eleitoral também deverá entregar lista de advogados aptos a votar

    ©DIVULGAÇÃO
    A Justiça Federal determinou que as eleições para presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, seccional de Mato Grosso do Sul, sejam adiadas por cinco dias. A escolha do novo presidente estava marcada para o dia 20 de novembro.

    Na decisão liminar, juiz Pedro Pereira dos Santos, determina também que a Presidente da Comissão Eleitoral Temporária e o atual presidente da Ordem, forneçam, no prazo de 24 horas, lista de todos os advogados inscritos, com endereço eletrônico do profissional e a informação se o mesmo está apto a votar nestas eleições.

    O adiamento das eleições deve ser pelo prazo de pelo menos cinco dias, a contar da da data do fornecimento dos respectivos dados.

    Decisão é em mandado de segurança impetrado pelo advogado Jully Heider, que concorre ao pleito.

    Correio do Estado entrou em contato com a assessoria de imprensa da OAB/MS para saber se haverá recurso, mas não obteve retorno até a publicação desta reportagem.

    Fonte: CE
    Por:  GLAUCEA VACCARI


    Imprimir