Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    07/05/2018

    Homem é morto com tesourada no pescoço ao tentar salvar vítima de assalto

    ©Marcos Tenório
    O auxiliar de pedreiro Antônio Marques Rodrigues de Souza, de 34 anos, foi morto na manhã desta segunda-feira (7), com um golpe de tesoura no pescoço quando tentou socorrer uma vítima de assalto na Avenida Mato Grosso, próximo a Estação Ferroviária – região central de Campo Grande.

    De acordo com o pai da vítima, João Roberto Faustino de Souza, mestre de obras, ele e o filho estavam indo para o serviço quando viram uma mulher sendo rendida por um assaltante. Na intenção de ajudar, Antônio correu para socorrer a a vítima, mas foi surpreendido com um golpe de tesoura em seu pescoço, que causou sua morte.

    Segundo o Sargento Polícia Militar, Leonardo Diarte, logo após o crime, uma viatura do Bptran (Batalhão de Polícia Militar de Trânsito), que passava pelo local, tentou socorrer a vítima, mas sem sucesso. Então, os policiais saíram em busca do autor do crime junto com a testemunha que estava sendo assaltada, porém até o momento, ele não foi encontrado.

    Denise Faustino de Souza de 53 anos, tia de Antônio, informou para a equipe de reportagem do portal Jornal O Estado, que há cinco meses a mãe da vítima morreu e que João e Antônio ainda estavam pagando pelo sepultamento da mulher. “Os dois trabalhavam juntos e depois da perda da esposa, os dois só tinham um ao outro e agora meu irmão está sozinho”, desabafou Denise.

    O sargento Diarte reforçou a orientação de que não se deve reagir a ações criminosas, principalmente em tentativas de assalto. Em casos como este, o indicado é acionar a polícia e sempre registrar a ocorrência em uma delegacia.

    Fonte: Oe10
    Por: Thalysson Pereira e Marcos Tenório
    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS