Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    13/04/2018

    Cheque inferior a R$ 300 passa a ser compensado em 1 dia a partir de segunda

    Mudança foi divulgada pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban)

    Mudança estava prevista desde novembro de 2017 © Divulgação
    Uma circular do Banco Central divulgada no ano passado, passa a valer a partir da próxima segunda-feira (16), e reduz para 24 horas, o prazo para compensação de cheques no valor limite de até R$ 300 reais.

    Atualmente, o prazo é de dois dias úteis, o que provoca inconvenientes para quem conta com o valor para quitar outros compromissos. 

    A informação foi confirmada e anunciada hoje (12), pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban), que avaliou a mudança como positiva para a população. 

    "As alterações seguem os esforços do Banco Central de aprimorar os instrumentos de pagamentos, tornando-os mais eficientes e seguros para o usuário, e do setor bancário, sempre comprometido em modernizar e inovar seus procedimentos”, disse o diretor-adjunto de Negócios da instituição, Walter Tadeu de Faria.

    POSIÇÃO DO BANCO CENTRAL

    Em nota oficial, o Banco Central avaliou que a unificação da regra de compensação permitirá ganho de eficiência e redução de custos, operacionais e financeiros para todo sistema."As alterações seguem o esforço do BC de aprimorar os vários instrumentos de pagamentos, tornando-os mais seguros e eficientes para o usuário", acrescentou a instituição.

    Entre março de 2005 e outubro de 2017, por exemplo, o Banco Central informou que o número de cheques processados, mensalmente, pela Centralizadora da Compensação de Cheques (Compe) caiu de 170 milhões para 42 milhões.

    Fonte: G1
    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS