Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    13/04/2018

    Carlão protocola PL que institui Dia Municipal da Conscientização de Doação do Cordão Umbilical

    © Divulgação
    O vereador Carlos Augusto Borges (Carlão PSB), 1º secretário da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Campo Grande, protocolou Projeto de Lei instituindo o Dia Municipal da Conscientização de Doação do Cordão Umbilical, a ser comemorado anualmente no dia 8 de outubro, com o objetivo de estimular a doação. O parlamentar ressaltou que o projeto tem a finalidade de esclarecer e oferecer uma alternativa para complementar o baixo número de transplantes de medula óssea realizados no Brasil, que decorre de duas principais limitações: o alto custo do procedimento e a baixa disponibilidade de doadores.

    “A instituição de um evento para mobilização e informação da sociedade, por meio dos gestores da Saúde Municipal, das Associações Científicas, da sociedade em geral e dos interessados da área, favorecerá o aparecimento de novos doadores. As células-tronco encontradas no sangue do cordão umbilical são essenciais para o transplante de medula óssea, sendo um material valioso pode tratar doenças como leucemias, linfomas e anemias graves. Coletado durante o parto, o sangue do cordão umbilical fica preservado em temperaturas baixíssimas, a fim de conservar suas características”, justificou o vereador.

    A instituição de um Dia da Conscientização de Doação do Cordão Umbilical proporcionará esclarecimentos como saber que existem critérios específicos que devem ser levados em conta, como: ter entre 18 e 36 anos, ter feito no mínimo duas consultas de pré-natal documentadas, estar com idade gestacional acima de 35 semanas no momento da coleta e não possuir, no histórico médico, doenças neoplásicas (câncer) e/ou hematológicas (anemias hereditárias, por exemplo).

    O projeto segue tramitação nas comissões pertinentes na Casa de Leis para futuramente ser encaminhado para votação em plenário.

    Fonte: ASSECOM
    Por: Janaina Gaspar 
    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS