Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    22/03/2018

    TRÊS LAGOAS| Oito pontes serão reformadas pela Prefeitura na Zona Rural

    Além dessas, outra será reconstruída por uma empresa do ramo de celulose

    © Divulgação
    Cuidar do campo assim como cuida da Zona Urbana é um dos lemas da Prefeitura de Três Lagoas, tanto que no primeiro ano de gestão foram observados diversos incentivos a agricultura familiar como o lançamento da Central de Comercialização e, claro, para que essa produção seja escoada é preciso que as estradas e pontes estejam em boas condições de uso. Por isso, a Secretaria Municipal de Infraestrutura, Transporte e Trânsito (SEINTRA) realizará reparos e reconstrução em oito pontes de madeira.

    Desse total, quatro serão reconstruídas por meio de licitação, ou seja, uma empresa contratada pela Prefeitura fará a reforma total dessas pontes que, juntas, somam cerca de 70 metros de extensão. Vale lembrar que no ano passado a Prefeitura realizou a reforma de três pontes e construiu mais uma na zona rural.

    “As outras quatro, que somam mais de 50 metros de comprimento, serão reformadas por meio de mão-de-obra própria do Município, algo que garante agilidade, qualidade e redução de custos”, explica o secretário da pasta, Dirceu Deguti.

    A ponte sobre o córrego afluente do Arapuazinho, no Assentamento 20 de março, recebeu nesta semana reparos emergenciais por parte da Prefeitura, algo que melhorou a estrutura da construção e que permite aguardar o processo de licitação que fará os reparos definitivos. “Além dessa, as pontes da Estiva, Icanga e Córrego Cervo também entrarão no contrato de reforma e os reparos da ponte do Pombinho, serão executados pela Empresa Eldorado Brasil”, explica Deguti.

    Já as pontes sobre o Córrego Azul, nas proximidades da Fazenda Berrante de Ouro; Campo Triste, na região do Katayama; Córrego São José, na região da Taboca e do Morrinho, nas proximidades da Fazenda Paineira, serão executadas pela própria Prefeitura com materiais e mão de obra próprios.

    Fonte: ASSECOM


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS