Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    28/02/2018

    Com apoio de 12 deputados, Beto Pereira reapresenta projeto que proíbe pesca do Dourado

    © Divulgação/ALMS
    O deputado estadual Beto Pereira (PSDB) reapresentou na sessão desta quarta-feira (28/2), o Projeto de Lei que veda pelo prazo de oito anos a captura, o embarque, o transporte, a comercialização, o processamento e a industrialização do peixe Dourado (Salminus Brasiliensis ou Salminus Maxillosus), nos rios do Estado. Em junho do ano passado, a Assembleia Legislativa arquivou a matéria. Na ocasião, houve empate na votação e o presidente Junior Mochi (PMDB) deu o voto de minerva, rejeitando a proposta.

    Juntamente com Beto, são autores do projeto os deputados Paulo Corrêa (PR), Marcio Fernandes (PMDB), Mara Caseiro (PSDB), Professor Rinaldo (PSDB), Lidio Lopes (PEN), José Carlos Barbosa (PSB), George Takimoto (PDT), Eduardo Rocha (PMDB), Felipe Orro (PSDB), Renato Câmara (PMDB) e Enelvo Felini (PSDB). Durante a apresentação da proposta, Maurício Picarelli sinalizou que também deverá assinar a proposição. 

    O projeto autoriza apenas a pesca da espécie na modalidade pesque e solte e prevê pena para quem cometer a infração. “Reapresentamos para promovermos o repovoamento desse peixe nos rios de Mato Grosso do Sul. A preservação se faz necessária e pedimos o apoio de todos os parlamentares em favor desta espécie símbolo do Pantanal”, destacou.

    Paulo Corrêa e Professor Rinaldo ressaltaram a medida tomada por outros municípios, Estados e países. “Corumbá, São Paulo, Paraná, Argentina e muitos outros já tomaram esta medida. Mato Grosso do Sul precisa seguir esses exemplos de preservação da fauna”, disse Corrêa.

    O deputado Amarildo Cruz (PT) disse que os deputados estão mais seguros para votar o projeto. Barbosinha acrescentou que a proibição da captura e comercialização não influenciará na renda dos pescadores profissionais, uma vez que o Dourado é o oitavo na lista de espécies comercializadas no mercado local.

    Fonte: ASSECOM
    Por: Heloíse Gimenes


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS