Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    12/12/2017

    MP-MS presenteia crianças beneficiadas pela Campanha Compartilhe o Natal de 2017

    © Ana Carolina Vasques
    O Ministério Público do Estado de Mato Grosso do Sul realizou a Solenidade de Entrega Simbólica dos presentes arrecadados da Campanha Compartilhe o Natal 2017 na tarde da última segunda-feira (11/12), na Casa do Papai Noel.

    A cerimônia contou com a presença de autoridades, parceiros e principalmente de algumas crianças beneficiadas pela campanha. Em uma tarde, onde a emoção e o espírito natalino foram embalados pelo Coral das Crianças do Cotolengo – Instituição que atende crianças com paralisia cerebral vindas de famílias carentes, o MPMS por meio da Procuradora de Justiça e idealizadora da Campanha, Jaceguara Dantas da Silva e do Procurador de Justiça e Coordenador do CAO Direitos Humanos, Francisco Neves Júnior, apresentou os resultados da Campanha Compartilhe o Natal de 2017.
    © Ana Carolina Vasques
    Na ocasião, o Procurador de Justiça e Coordenador do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça dos Direitos Humanos, Francisco Neves Júnior destacou o êxito da campanha e agradeceu a todos que se engajaram para que todas as crianças das Instituições fossem beneficiadas:

    “É uma campanha que possui uma certa responsabilidade social, que busca dar visibilidade a essas pessoas, que muitas vezes, estão relegadas ao abandono, até da própria família, e com isso a gente busca resgatá-las para a sociedade, mostrando que somos todos iguais. É necessário que todos abram os olhos para as pessoas com deficiência e não permitam que elas continuem à margem da sociedade”, declarou o Procurador de Justiça.
    © Ana Carolina Vasques
    A Procuradora de Justiça Jaceguara Dantas da Silva, aproveitou a oportunidade para agradecer e parabenizar todos os envolvidos neste projeto, que desde 2015 vem beneficiando milhares de crianças com deficiência em Campo Grande: 

    “Essa campanha para nós do Ministério Público Estadual tem um significado muito especial, pois dentre as diversas atribuições que nós temos como agente do Estado, incumbidos constitucionalmente da defesa dos direitos sociais, nós também trabalhamos com as crianças com deficiência, e essa campanha tem um toque especial, porque diz respeito a três segmentos: crianças em vulnerabilidade social, crianças com deficiência e crianças com dificuldades materiais. Então nós concentramos todos os nossos esforços com essa campanha, não para promover a questão material, e sim de colocar a questão da solidariedade e o respeito para essas pessoas”, declarou.

    A Procuradora de Justiça destacou ainda a participação dos funcionários da FAMASUL, que se dedicaram a confeccionar brinquedos para a campanha: “Esse gesto me tocou muito, pois reflete a solidariedade e o amor ao próximo”.

    Vale lembrar que durante todo o ano de 2017, a Procuradora realizou palestras e seminários discutindo a importância da inclusão e debatendo temas alusivos às pessoas com deficiência: mercado de trabalho, educação, infância e direitos. E dentro deste contexto, o Ministério Público Estadual realizou diversas ações ao longo do ano, como por exemplo, campanhas de acessibilidade nas redes sociais, projetos em parceria com outras Instituições, além de cursos de capacitação para Membros e servidores, buscando minimizar as diferenças e inserir essas pessoas na sociedade e também no mercado de trabalho.

    A cerimônia de entrega simbólica dos presentes contou com a presença da Vice-Governadora do Estado de Mato Grosso do Sul Rose Modesto; do gestor de projetos sociais da Águas Guariroba, Willian Carvalho; do Procurador-Chefe do Ministério Público do Trabalho Leontino Lima Júnior; do Diretor do Colégio Dom Bosco, Padre João Vitor Aparecido Ortiz; da gerente regional da Plaenge, Ada Maria de Lima; dos representantes do Tribunal de Contas e da Assembleia Legislativa.
    © Ana Carolina Vasques

    Fonte: ASSECOM
    Por: Ana Carolina Vasques


    Imprimir