Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    18/11/2017

    Discussão em conveniência acaba com jovem morto a tiros de chumbinho

    Crime aconteceu durante a madrugada em um comércio do Bairro Nova Campo Grande

    Crime aconteceu por volta das 4 horas e foi registrado na Depac Centro (Foto: André Bittar)
    Um jovem, identificado como Vanderson Alves dos Santos, de 24 anos, foi morto na madrugada deste sábado (18) após discutir com o proprietário de uma conveniência no Bairro Nova Campo Grande. Segundo testemunhas, o crime aconteceu por volta das 4h, quando a vítima bateu no comércio pedindo algo para comer.

    No local a perícia encontrou um projétil de chumbo, indicando que o tiro que matou a vítima foi disparado de uma espingarda de chumbinho, que também foi apreendida no local.

    Segundo testemunhas, a vítima chegou ao comércio e foi recebida pelo proprietário, Leonardo Monteiro Haddad, de 44 anos. O rapaz teria pedido um salgado, mas o autor afirmou que naquele horário não vendia nenhum alimento. Um briga então teria começado.

    “Descontrolada”, a vítima teria afirmado que era um absurdo o local não vender nada para comer, começou a chutar as grades da porta da conveniência e sacou uma faca que carregava na cintura. Neste momento, Leonardo teria buscado a espingarda e batido o cano da arma nas costas de Vanderson, mandando que ele fosse embora.

    A briga continuou e do balcão, o autor efetuou um disparo em direção a vítima. O tiro atingiu a cabeça do rapaz, na altura da nuca. Ele não resistiu ao ferimento e morreu no local.

    Após o crime, o proprietário da conveniência fugiu e a polícia foi acionada. As equipes de investigação localizaram ainda um amigo da vítima, que estava com ele no momento do homicídio, que confirmou a história. Leonardo Monteiro não foi encontrado e é procurado pela polícia.

    Fonte: campograndenews
    Por: Geisy Garnes e Bruna Kaspary


    Imprimir