Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    terça-feira, 30 de agosto de 2016

    Collor afirma que situação de impeachment de Dilma é diferente da dele

    senador Fernando Collor de Melo (PTC) - Reprodução/TVSenado

    O ex-presidente e atual senador Fernando Collor de Melo (PTC), alvo de impeachment em 1992, em seu discurso na tarde desta segunda-feira (30), durante o julgamento da presidente Dilma Rousseff (PT), afirmou que a situação de ambos foi diferente.

    O petecista afirmou que, à época, lhe tentaram "imputar corresponsabilidade por suposta infração penal na seara do crime comum, cuja apuração e julgamento caberiam somente ao Supremo Tribunal Federal".

    "Mesmo eleito democraticamente, justo no pleito que consolidou a democratização, me condenaram politicamente em meio a trama e ardis", afirmou. "Mas, penalmente, de correta instância me absolveu a Suprema Corte."

    "O governo afastado transformou sua gestão numa tragédia anunciada. É o desfecho típico de governo que faz, da cegueira econômica o seu calvário, e da surdez política o seu cadafalso", completou.

    Collor, no entanto, não declarou o seu voto final.




    Fonte: BocãoNews
    Por: Victor Pinto
    Link original: http://www.bocaonews.com.br/noticias/politica/politica/153213,collor-afirma-que-situacao-de-impeachment-de-dilma-e-diferente-da-dele.html

    --

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS