Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    22/11/2018

    Inauguração do Hospital Cassems de Corumbá é transferida para domingo em função do mau tempo

    A previsão é de chuva forte e muito vento nessa sexta-feira (23), no município

    ©DIVULGAÇÃO
    A Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul (Cassems) informa que a inauguração do Hospital Cassems de Corumbá, que seria nesta sexta-feira, 23, foi transferida para o próximo domingo, dia 25 de novembro, às 18h, em função do mau tempo que atinge o município. A estrutura, que beneficiará a população de Corumbá e Ladário, fica no bairro Popular Velha, tem 4,5 mil m² de área construída total e abrirá suas portas para atendimento ao público externo no próximo dia 3 de dezembro.

    De acordo com o presidente da Cassems, Ricardo Ayache, a unidade hospitalar foi projetada para ser referência no atendimento de qualidade. “O Hospital Cassems de Corumbá conta com ampla infraestrutura, uma arquitetura humanizada, com ambiente acolhedor e confortável para o nosso beneficiário. Esta unidade também traz um conceito que visa proteger o meio ambiente dos impactos de uma obra comum, pois todo o material usado tem o intuito de gerar bem menos entulho, além de toda a obra ser pensada com domus espelhados, que buscam minimizar os gastos com iluminação artificial”, disse.

    O presidente ressalta ainda que o Hospital Cassems de Corumbá é mais um sonho que se realiza. “Sou pantaneiro, de Aquidauana, e um corumbaense de coração. Cada construção na Cidade Branca guarda histórias e agora o nosso hospital vem com inovação, tecnologia e traz um novo momento para essa história, um novo e moderno espaço de vida. Quando assumi a Cassems, prometi que este sonho seria realizado”, ressalta.

    Ricardo Ayache explica ainda que o novo Hospital da Cassems contribuirá para desafogar o atendimento da Santa Casa. “Criada em 1904 e aberta a atendimento a partir de 1912, a Sociedade Beneficente Corumbaense, mais tarde Santa Casa de Corumbá, era a única unidade de atendimento hospitalar em Corumbá até a chegada do nosso hospital e, com certeza, isso beneficiará a população como um todo, pois haverá redução no fluxo de atendimento”, explica.

    O Hospital da Caixa dos Servidores de Corumbá será de média complexidade e com equipamentos de última geração. Além de ser uma estrutura moderna e que melhorará em muito o deficit hospitalar da Cidade Branca, essa unidade oferecerá acolhimento humanizado para toda essa população que antes tinha que se deslocar por mais de 400 km para ser atendida. Agora, essa mesma população terá na porta da sua casa um atendimento com o padrão Cassems. Atualmente a Cassems possui mais de 10 mil beneficiários em Corumbá e Ladário.

    Estrutura

    O hospital terá 50 leitos, sendo que na primeira fase serão inaugurados 35, três salas cirúrgicas, cinco consultórios ambulatoriais, dois consultórios odontológicos, Pronto Atendimento 24 horas, além da atual sede regional da Cassems, que também passará a funcionar no mesmo endereço.

    A Unidade Hospitalar terá um Centro de Diagnósticos equipado com ressonância magnética, tomografia computadorizada, raios X digital, mamografia, densitometria óssea, duas salas de ultrassonografia, laboratório de análises clínicas e um centro de especialidades médicas. Na segunda fase, contará com o serviço de hemodinâmica e unidade semi-intensiva de internação.

    A pedra fundamental do Hospital Cassems foi lançada em 2016, quando o poder público doou uma área de 5,5 mil m², cedida pela União. Atualmente a obra emprega 52 pessoas da região e, depois de aberto, o Hospital Cassems de Corumbá irá gerar mais de 150 empregos diretos e indiretos.



    ASSECOM


    Imprimir