Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    26/08/2018

    Previsão para o Estado é de sol sem chuva

    Na Capital, o dia em que a cidade comemora 119 anos será parcialmente nublado com névoa seca, temperatura máxima de 23ºC

    Reprodução
    A frente fria que atravessou Mato Grosso do Sul provocou muito frio na região sul. Até às 5h deste domingo (26) a menor temperatura de 3.4ºC foi registrada em Amambai, seguida de Sete Quedas com 4.6ºC e Caarapó com 5.3ºC. Em Dourados, a mínima foi de 6.1ºC e Campo Grande 10.2ºC. Porém, a temperatura pode cair mais. As mínimas do dia são registradas entre às 7h e 8h.

    Conforme o meteorologista do Cptec (Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos), Diogo Arsego, o sol deve predominar e não há previsão de chuva para o Estado. “As temperaturas tanto as máximas quanto as mínimas sobem aos poucos a partir de amanhã. O sol aparece entre nuvens e ocorre baixa umidade relativa do ar no período da tarde em algumas cidades.

    Na Capital, o dia em que a cidade comemora 119 anos será parcialmente nublado com névoa seca, temperatura máxima de 23ºC e umidade relativa do ar mínima entre 55% e 25%. O Aeroporto Internacional opera normalmente.

    Em Rio Brilhante, Mundo Novo, Vicentina, Itaporã, Dourados e Ponta Porã, as máximas serão de 20ºC, em Chapadão do Sul, Costa Rica, Selvíria, Paranaíba, Corumbá, Porto Murtinho, Miranda, Aquidauana 26ºC, em Sonora, São Gabriel do Oeste, Rochedo e Sidrolândia 28ºC.

    Amanhã (27), ainda serão registradas temperaturas mínimas ao amanhecer com possibilidade de geada no sul do Estado. Com o aquecimento durante o dia, as temperaturas aumentam rapidamente com baixa umidade relativa do ar, especialmente no norte de MS com valores inferiores a 30%. A OMS (Organização Mundial da Saúde) considera aceitável a umidade acima dos 60%.

    Na terça-feira (28), as temperaturas seguem em elevação, especialmente as mínimas, mas a nebulosidade aumenta com possibilidade de chuva isolada no fim do dia. Na quarta-feira (29), as temperaturas durante a madrugada sobem e no período da tarde a umidade relativa do ar fica muito baixa na casa dos 20% na maioria das cidades.

    Fonte: campograndenews
    Por: Viviane Oliveira


    Imprimir