Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    30/08/2018

    ELEIÇÕES 2018| Prazo para Lula se defender no TSE acaba nesta quinta-feira (30)

    Candidatura foi alvo de 16 questionamentos no tribunal porque petista está preso após ter sido condenado em 2ª instância

    ©Ricardo Stuckert / Instituto Lula
    O prazo para os advogados do presidenciável do PT, Luiz Inácio Lula da Silva, apresentarem a defesa da candidatura dele ao Tribunal Superior Eleitoral termina nesta quinta-feira (30).

    Desde o registro da candidatura de Lula à Presidência em 15 de agosto, foram apresentados ao TSE 16 questionamentos com base na Lei da Ficha Limpa. Os principais argumentos são que Lula está preso desde abril e já foi condenado em segunda instância na Lava Jato.

    Ao todo, foram apresentadas 8 impugnações (por Ministério Público, partidos, coligações e candidatos) e 8 notícias de inelegibilidade (por cidadãos).

    O TSE marcou uma sessão extraordinária para esta sexta (31) e deve definir, entre outros assuntos, se o ex-presidente Lula poderá aparecer como candidato do PT na propaganda eleitoral no rádio e na TV, que começa no sábado (1º), e analisar o registro de candidatura.

    A chapa tem o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad, também do PT, como candidato a vice.

    NAOM


    Imprimir