Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    28/05/2018

    TJMS suspende sessões e audiências nesta segunda-feira

    A medida é um reflexo da greve dos caminhoneiros e a previsão é que os serviços sejam retomados normalmente amanhã

    A audiências e sessão devem ser retomadas amanhã ©Saul Schramm
    O TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) suspendeu as sessões e audiências de primeiro grau nesta segunda-feira (28), em razão da greve dos caminhoneiros, que impedem a chegada do combustíveis à cidade. A previsão é que os serviços sejam retomados normalmente amanhã.

    De acordo com nota, o presidente do TJMS, desembargador Divoncir Schreiner Maran, decidiu pela suspensão atendendo a uma solicitação da OAB-MS (Ordem dos Advogados do Brasil). A portaria que oficializa a medida será publicada no Diário da Justiça nesta terça-feira (29), com efeito retroativo.

    Ainda segundo o TJ, o expediente e os prazos determinados pelos juízes não sofreram nenhuma alteração. A previsão é que o funcionamento volte ao normal amanhã.

    Paralisação 

    Os protestos iniciaram no domingo (20), em 25 estados, mas foi na segunda-feira (21) que os caminhoneiros passaram a bloquear as rodovias em Mato Grosso do Sul contra o aumento do valor do diesel e política de preços da Petrobras.

    No quarto dia de bloqueios, a Petrobras decidiu manter a redução de 10% no valor do diesel nas refinarias e representantes do governo e entidades de caminhoneiros anunciaram a suspensão da paralisação, por 15 dias.

    Porém, os grupos espalhados por estados de todo Brasil permaneceram nas rodovias, com a justificativa de que o acordo divulgado pelo governo federal não representava quem estava parado nas estradas. Na segunda-feira (28), 8º dia de greve, 19 pontos estão bloqueados em rodovias federais e 31 nas estaduais.

    Fonte: ASSECOM
    Por: Geisy Garnes


    Imprimir