Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    19/05/2018

    Coluna do Roberto Costa


    0800 – O juiz federal aposentado e pré-candidato a governador pelo PDT (Partido Democrático Trabalhista), Odilon de Oliveira, aceita o apoio do DEM no palanque pedetista, desde que não peça nada em troca. 

    CAIU A LIGAÇÃO – Como em política não se formaliza acordo sem que haja contrapartida, muito dificilmente os liderados por Murilo Zauith, Henrique Mandetta, Tereza Cristina e Zé Teixeira aceitarão a proposta. 

    PESQUISA 1 – A mais recente consulta popular sobre os pré-candidatos ao governo do Estado, encomendada pela Faems e realizada pelo Instituto de Pesquisa Resultado (IPR), registra que a disputa está indefinida. 

    PESQUISA 2 - A diferença, na espontânea, é de apenas 0,9 entre o primeiro colocado, juiz Odilon e o segundo, o ex-governador André Puccinelli (MDB), e de 2,6 para o terceiro colocado, governador Reinaldo Azambuja (PSDB). 

    PESQUISA 3 – A consulta realizada a pedido da Federação das Associações Empresariais de Mato Grosso do Sul foi registrada junto ao Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul sob o nº MS04406/2018. 

    CAIU FORA – A deputada estadual Grazielle Machado, do PSD, é mais um nome que deixou de fazer parte da base de sustentação do governado Reinaldo Azambuja na Assembleia Legislativa. 

    A QUALQUER MOMENTO – O presidente Michel Temer vai desistir da reeleição para anunciar o nome de Henrique Meirelles como candidato do MDB à presidência da República. 

    FORÇA DA MULHER – A ex-vereadora Maria Emília Ramalho Sul é um dos nomes que o MDB vai apresentar aos eleitores de Mato Grosso do Sul como candidata à Câmara dos Deputados. 

    BITCOIN – Qualquer semelhança é mera coincidência. Mas que os potenciais nomes o cargo de vice-governador estão em valorização meteórica, disso ninguém tem a menor dúvida! 

    MAIOR E MELHOR 1 – Em Campo Grande, com a presença de Henrique Meirelles, milhares de pessoas acompanharam com especial interesse o discurso do pré-candidato a governador André Puccinelli. 

    MAIOR E MELHOR 2 - O programa tem como meta ouvir a população para a elaboração de um plano de governo que deve ser apresentado durante a campanha emedebista. 

    Saber não é o bastante, precisamos aplicar. Querer não é o suficiente, precisamos fazer.” BRUCE LEE


    Imprimir