Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    19/03/2018

    TRF concede liberdade a João Amorim, Giroto e demais réus da Lama Asfáltica

    João Amorim (de camisa branca) ao lado do advogado (Foto: Marcos Ermínio/Arquivo)
    O TRF (Tribunal Regional Federal) da 3ª Região concedeu habeas corpus ao empresário João Alberto Krampe Amorim dos Santos, do ex-secretário e ex-deputado federal Edson Giroto e demais réus da Operação Lama Asfáltica, presos há dez dias. Decisão do STF (Supremo Tribunal Federal) revogou liminar que matinha oito presos na 2ª fase da força-tarefa em liberdade no dia 6 de março, mas agora, todos devem ser soltos ou deixar a prisão domiciliar.

    Além de Amorim e Giroto, estão no Centro de Triagem Anísio Teixeira, o cunhado do ex-parlamentar, Flavio Henrique Garcia Scrocchio, e Wilson Roberto Mariano de Oliveira, o Beto Mariano, servidor da Agesul (Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos) e ex-prefeito.
    Edson Giroto chegando na sede da Polícia Federal (Foto: Marcos Ermínio/Arquivo)
    Amorim, Giroto, Flávio e Mariano se entregaram à PF (Polícia Federal) no dia 9 de março.
    Para Ana Paula Amorim Dolzan, Mariane Mariano de Oliveira, Rachel Rosana de Jesus Portela Giroto e Elza Cristina Araújo dos Santos, a Justiça decretou prisão domiciliar, medida restritiva que também foi revogada na sessão da 5ª Turma, no início da tarde desta segunda-feira (19), confirmou a assessoria de imprensa do TRF3.

    A operação - A Lama Asfáltica investiga desvios de verbas em obras do governo estadual na gestão de André Puccinelli (MDB). A Fazendas de Lama investiga a compra de fazendas, em nome de laranjas, com o dinheiro supostamente desviado.

    Fonte: campograndenews
    Por: Anahi Zurutuza


    Imprimir