Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    19/03/2018

    Deputado Eduardo Rocha prestigia comemorações do aniversário de Ribas do Rio Pardo

    Prefeito ressaltou parceria com parlamentar em benfeitorias ao município

    © Divulgação
    O município de Ribas do Rio Pardo completa 74 anos nesta segunda-feira (19) e o deputado estadual Eduardo Rocha esteve no município para prestigiar o inicio das comemorações pela data. Na ocasião, o parlamentar participou no hasteamento das bandeiras e foi citado por várias vezes pelo prefeito Paulo Tucura, na qual agradeceu a parceria de sempre.

    Observado por diversas pessoas que moram na cidade, vereadores e secretários, Eduardo Rocha discurso, quando recebeu vários aplausos. “Venho prestar homenagem ao município de Ribas do Rio Pardo e dizer também que tanto que quanto Paulo continuamos sonhando de trazer nossa fábrica de celulose. Estamos lutando e trabalhando para isso”.

    Ainda segundo Rocha, Ribas vêm se desenvolvendo e com esta fábrica isso seria possível ainda mais. “Se Deus quiser essa fábrica vindo para Ribas vai ser a grande transformação da história dessa cidade, que hoje completa 74 anos, de um município que vem crescendo. Podem continuar contando com o trabalho do deputado Eduardo Rocha para esta cidade continuar no desenvolvimento. Parabéns Ribas do Rio Pardo e a todos que aqui residem”.

    Ao iniciar o evento, juntamente com o prefeito, o deputado participou do hasteamento das bandeiras, quando também foi tocado o hino nacional e do município e em seguida, após os discursos, acompanharam a apresentação da Banda Marcial Gilberto Fogaça.

    Em sua fala, o chefe do executivo municipal citou por diversas vezes o nome do parlamentar e agradeceu por diversas vezes toda a atenção que tem junto as necessidades do município. “Agradeço o apoio do deputado Eduardo Rocha. Ele que sempre esta disponível e me recebe em seu gabinete por alguma questão aqui em nossa cidade e quando ele não pode resolver, por não ser de sua alçada, sempre vai atrás de quem pode auxiliar”.

    Fonte: ASSECOM


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS