Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    05/03/2018

    Coluna do Roberto Costa


    PRÉ-CANDIDATO I – O médico André Puccinelli confirmou hoje ao jornalista B. de Paula Filho, Difusora Pantanal, que participará das eleições de outubro representando o MDB como candidato a governador. 

    PRÉ-CANDIDATO II – Percorrendo o Estado com o Projeto MS Maior e Melhor, o pré-candidato foi enfático ao declarar que “a sua participação é motivada pela crescente manifestação popular”. 

    SEM CHANCE – Durante a entrevista Puccinelli contestou os rumores de que faria parte de uma aliança com o governador Reinaldo Azambuja, do PSDB, como candidato ao Senado. 

    DESCARTOU – Sem citar nomes, Puccinelli desautorizou uma minoria emedebistas que estaria ‘forçando a barra’ para desmontar o projeto do MDB em favor da administração tucana. 

    DIA DA MULHER – O PDT pretende fazer a apresentação oficial do pré-candidato a governador de Mato Grosso do Sul, o juiz federal aposentado, Odilon de Oliveira, no dia 8 de março. 

    PLANALTO – Já o presidente da Câmara Federal, deputado Rodrigo Maia, do DEM, pensa seriamente em alçar voo mais alto. Segundo consta, ele está inclinado em disputar o cargo de Presidente da República. 

    REZA BRAVA I – O presidente da República, Michel Temer, apesar dos resultados positivos na economia, precisa urgentemente fazer uma consulta com a vidente da novela “Do outro lado do Paraíso". 

    REZA BRAVA II – Além do ministro Edson Fachin (STF) permitir denúncia anterior contra o presidente Temer, ele (Temer) precisa saber quem é que ‘está fazendo jogo duplo’. 

    BENZEDEIRA – A prefeita de Dourados, Délia Razuk, ainda não conseguiu identificar o que, efetivamente, está incomodando seu secretariado. Galho de arruda, sal grosso e alho não bastam. 

    NÃO ESQUENTOU – A mais recente deserção na administração douradense foi na Secretaria de Educação. O titular da pasta sequer ficou 72 horas e pediu para sair. Alguma coisa não anda bem. 

    INDEFINIDA – É a situação da vereadora três-lagoense, Marisa Rocha, do PSB. A Câmara ainda não abriu processo de cassação da parlamentar porque ainda não foi notificada pelo Poder Judiciário. 

    AGUARDANDO – O ex-Vereador e Secretário de Saúde de Campo Grande, Jamal Mohamed Salem, deve ser indicado pelo PR para disputar uma das oito vagas reservadas ao Estado na Câmara Federal. 
    As espécies que sobrevivem não são as mais fortes, nem as mais inteligentes, e sim aquelas que se adaptam melhor às mudanças.’  CHARLES DARWIN


    Imprimir