Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    16/03/2018

    CASSEMS 17 ANOS| Clínica da Família oferece atendimento integrado com foco na prevenção

    © Messias Ferreira
    A Caixa de Assistência dos Servidores do Estado de Mato Grosso do Sul está comemorando 17 anos de assistência à saúde dos servidores públicos em 2018, e muito dessa longevidade se deve ao investimento em prevenção. Após interiorizar o atendimento, ao construir uma vasta rede própria de atendimento no interior do Estado, a Cassems investe na mudança do conceito de atendimento. Inaugurada em outubro de 2017, a Clínica da Família oferece um atendimento integrado com foco na prevenção de doenças e na promoção da saúde.

    A Clínica tem como referencial oferecer um atendimento integral a toda família, com pediatras, geriatras e clínicos gerais alinhados para criar uma estratégia para cada família. A unidade também oferece sala de inalação e posto de coleta para exames laboratoriais. O presidente da Cassems, Ricardo Ayache, afirma que o objetivo da Clínica da Família é destacar a importância do médico generalista como porta de entrada do atendimento.

    “A Clínica da Família vai oferecer um atendimento integral à saúde, mas o grande objetivo é retomar a importância do médico generalista como o primeiro contato do paciente e que vai cuidar desse paciente ao longo da sua vida. Esse profissional vai direcioná-lo quando necessário para um especialista. Mais de 70% dos problemas de saúde podem ser resolvidos pelo médico generalista. Esse conceito de atendimento contínuo garante também uma maior probabilidade de se realizar a prevenção e a promoção da saúde. Então, o nosso maior objetivo é cuidar da saúde antes que a doença apareça”, conta Ayache.

    O presidente explica ainda que esse modelo de assistência à saúde já é adotado em outros países e que, além de melhorar a qualidade do atendimento aos beneficiários, também ajuda no uso racional dos recursos.

    “Esse é um modelo já adotado em vários países do mundo e nós precisamos acreditar que é possível ter uma saúde mais integral, cuidando do corpo, da mente e da alma. Esse modelo também ajuda os nossos pacientes a buscarem uma referência melhor daquilo que eles precisam para cuidar da saúde e, num momento de doença, ter um melhor atendimento, com uma melhor qualidade e um acompanhamento de longo prazo que a presença do médico generalista nos proporcionará. Eu acredito nesse projeto como um novo modelo de assistência à saúde a ser adotado pela Cassems com certeza nos trará uma qualidade ainda maior, mas, principalmente, garantirá a sustentabilidade com o uso racional dos nossos recursos”, finaliza Ayache.

    Fonte: ASSECOM


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS