Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    04/03/2018

    Após dirigir na contramão alcoolizado e bater em PMs, empresário é preso

    Homem tem passagem por tráfico internacional de drogas

    © Divulgação
    Uma perseguição policial na madrugada deste domingo (4), nas ruas de Campo Grande, terminou na prisão de um homem por direção alcoolizada, após entrar em luta corporal com os policiais. A perseguição teve início na esquina da 15 de Novembro com a Rua 13 de Junho, e só teve fim no bairro Nhanhá.

    Policiais militares faziam ronda no centro quando encontraram o condutor trafegando no centro e deram voz de parada, utilizando a sirene do veículo. O motorista, que conduzia um Audi, ignorou a voz de parada e começou a fugir dos policiais.

    Segundo informações policiais, o homem passou por semáforos vermelhos, diversas vezes quase bateu em veículos na pista e pedestres, dirigiu na contramão, mostrou o dedo do meio para os PMs e ainda tentou jogar o veículo contra a viatura.

    No bairro Jockey Club, o condutor embriagado teria tentado ainda jogar o veículo contra os policiais do Gecam (Grupamento Especializado com o Apoio de Motocicletas) que fizeram um bloqueio, momento em que os policiais atiraram contra os pneus do veículo.

    Depois dos disparos, o homem perdeu o controle do carro e entrou no canteiro central da Av. das Primaveras, mas voltou à direção e seguiu ao bairro Nhanha, no qual perdeu a direção de novo e começou a fugir dos policiais à pé.

    Quando finalmente foi pego, o motorista resistiu à ordem de prisão e entrou em briga corporal com os policiais, alegando que era “um grande empresário e advogado”, e que os agentes iriam “se ferrar”.

    No veículo, foram apreendidas duas garrafas de cerveja e 18,9 gramas de maconha. O homem estava visivelmente alcoolizado, agressivo e com a fala “pastosa”, ainda segundo as informações policiais.

    Ele foi encaminhado à Depac da Piratininga, onde confessou ter ingerido bebidas alcoólicas em um bar. O veículo Audi foi encaminhado ao Detran-MS (Departamento Estadual de Trânsito de Mato Grosso do Sul).

    Passagem

    O homem foi preso quando tinha 21 anos no Aeroporto Internacional de São Paulo em 2004 quando tentava levar cocaína com a namorada para Zurique. Ele também é ex-interno do Instituto Penal de Campo Grande.

    Fonte: Midiamax
    Por: Joaquim Padilha


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS