Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    18/12/2017

    Segundo pesquisa, Pedro Chaves é o que mais avança na disputa ao Senado

    © Divulgação
    O senador Pedro Chaves (PSC) é o que mais avança rumo à vitória em 2018. Segundo pesquisa do Instituto Ranking Comunicação e Marketing realizada neste mês, ele teve aumento de 169,54% das intenções de voto para o Senado, em relação ao último levantamento, em outubro. Naquela ocasião, Pedro Chaves figurava em quinto lugar com 4,76% da preferência do eleitorado e, desta vez, ele ficou em terceiro lugar, com 12,83%.

    Conforme a pesquisa, o ex-prefeito de Campo Grande, Nelsinho Trad (PTB) está na frente com 30,70%, seguido do deputado federal Zeca do PT que pontuou 21,70% das intenções de voto. Ambos tiveram crescimento em relação à última amostragem do instituto, no entanto, nenhum deles alcançou porcentual tão alto como o de Pedro Chaves.

    Em outubro, Nelsinho estava em segundo lugar com 15,20%. O porcentual de aumento dele é de 101,97%. Zeca, por sua vez, havia pontuado 8,46% e, em relação ao último comparativo, ele cresceu 156,50%.

    Também senador, Waldemir Moka (PMDB) continua em quarto lugar na pesquisa. Em outubro, ele tinha 6,13% e, agora, ele obteve 10,73% da preferência dos entrevistados. No total, o crescimento dele foi de 75,04%.

    Nesta amostragem, o ex-juiz federal Odilon de Oliveira (PDT) não está entre os nomes pesquisados, justamente por já ter anunciado sua pré-candidatura ao Governo do Mato Grosso do Sul. No levantamento de outubro ele pontuou em primeiro lugar com 22,83%.

    Realizada em 17 municípios de Mato Grosso do Sul, a pesquisa ocorreu entre os dias 04 e 12 de dezembro com 3 mil entrevistados. Destes, não sabem ou não quiseram responder alcançou 8,69%.

    Entre os dias 9 e 16 de outubro, foram aferidos o mesmo número de eleitores, na mesma quantidade de municípios. Aqueles que não souberam ou não quiseram se manifestar alcançaram 36,53%. Segundo o instituto, a margem de erro é de 2,50 pontos porcentuais para mais ou para menos. O índice de confiança é de 95%.

    OUTROS CANDIDATOS

    Na amostragem de dezembro aparecem como pré-candidatos na disputa pelas duas vagas do Senado, o ex-prefeito de Dourados, Murilo Zauith (PSB), o presidente da Cassems, Ricardo Ayache (PSB), o secretário estadual de Governo, Eduardo Riedel (PSDB) e o superintendente do Ibama, Dorival Betini (PR). Zauith recebeu 7,46% das intenções de voto, Ayache ficou com 5,23%, Riedel alcançou 2,23% e Betini 0,43%.

    Em outubro, Riedel e Betini não participaram da pesquisa. O nome que apareceu na amostragem anterior e que não figurou nesta foi o do ex-prefeito de Campo Grande, Alcides Bernal (PP). Ele recebeu 1,03% da preferência do eleitor.

    Fonte: ASSECOM


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS