Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    01/11/2017

    Ex-diretor da J&F fica de castigo na Papuda por desacato à autoridade

    Ricardo Saud será punido pelos próximos 10 dias por recusar cumprir um comando dado por um agente da prisão

    © Geraldo Magela/Agência Senado
    O ex-diretor de Relações Institucionais da J&F Ricardo Saud foi transferido para uma cela do Pavilhão Disciplinar (PD) do Complexo Penitenciário da Papuda na noite desta terça-feira (1º). De acordo com o site Metrópoles, ele será punido por pelo menos 10 dias por um episódio de desacato à autoridade.

    Saud teria se recusado a cumprir um comando dado por um agente do presídio identificado como Reginaldo. O episódio aconteceu antes de o ex-executivo prestar depoimento na CPMI da JBS no Senado, na manhã de terça. Saud decidiu ficar calado por não ter fechado acordo de delação.

    O agente teria aproveitado a saída do ex-executivo para relatar o episódio aos superiores. A punição é considerada uma medida administrativa, tomada no âmbito da própria cadeia.

    A cela onde Saud ficará é menor do que a usual, sem direito a televisão e com período de banhos de sol mais curtos. Normamente, ele divide cela com o deputado federal Celso Jacob (PMDB-RJ) e com o ex-diretor do Banco do Brasil Henrique Pizzolato.

    Fonte: NAOM


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS