Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    quinta-feira, 14 de setembro de 2017

    Deputada Tereza Cristina cobra medidas contra crise no setor leiteiro

    © Divulgação
    A forte crise que atinge o setor leiteiro no Brasil preocupa o setor e deixa consequências na economia de várias regiões produtoras. Um dos exemplos da crise chegou a Mato Grosso do Sul. Nesta quarta (13/9) a deputada Tereza Cristina (PSB-MS) usou a tribuna para externar a sua preocupação com a situação da pecuária leiteira no país. A parlamentar lembrou a dificuldade enfrentada pelos pequenos produtores da região do município de Terenos.

    Nesta cidade funcionava uma indústria da multinacional “Lactalis”, que encerrou as atividades deixando muitos integrantes da agricultura familiar sem a fonte de sustento. 

    A deputada sul-mato-grossense, vice-presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA) disse que “a produção leiteira no município é uma grande geradora de empregos, renda e tributos e que esta atividade é muito importante pelo uso constante de mão-de-obra no âmbito da agricultura familiar e ser o sustento de inúmeras famílias que vivem no meio rural”.

    Com o fechamento da multinacional no município, primeira indústria na produção de leite em pó no Estado, pequenos produtores da agricultura familiar do município não terão condições de coletar, distribuir e vender sua produção. Para a deputada é uma situação preocupante, principalmente, porque a principal causa é a importação desleal do produto de países do Mercosul.

    “Nós temos o acordo do Mercosul e não podemos deixar que o Uruguai invada o nosso país e deixe os produtores brasileiros nessa situação, principalmente os pequenos produtores da agricultura familiar que vivem e precisam desse leite que é o seu ganha pão mensal. Por isso peço que o ministro Blairo Maggi que tome as providências para que nós possamos estancar esta crise que atravessa o setor leiteiro brasileiro”

    Abraleite 

    Preocupada com a situação que atinge a produção no Mato Grosso do Sul, Tereza Cristina manteve encontro com o presidente da Associação Brasileira dos Produtores de Leite, Geraldo Borges onde tratou do assunto. A bancada ruralista já encaminhou o problema para o Ministério da Agricultura.

    Fonte: ASSECOM
    Por: Flávia Rabelo


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS