Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    terça-feira, 25 de julho de 2017

    Pecuarista é suspeito de participar de atentado que matou quatro e deixou 11 feridos em Pedro Juan Caballero

    Na residência foram encontrados um fuzil e um colete a prova de balas

    Policiais fazem buscas na casa de brasileiro, em Pedro Juan Caballero (Foto: Marciano Candia/UH)
    Durante as investigações do atentado em uma boate de Pedro Juan Caballero, que deixou quatro mortos e 11 feridos, a polícia paraguaia fez buscas em uma residência na cidade de Ponta Porã, que seria de um comerciante e pecuarista brasileiro.

    O pecuarista é apontado como suspeito em participação no atentado. Jonathan Jimenez teria dado apoio aos atirados, segundo o site Alô Caarapó. O carro usado pelos autores, um Chevrolet Prisma teria sido visto estacionado na casa dele.
    © radiooasisfm
    Um fuzil teria sido encontrado na casa do comerciante, mas de acordo com informações não seria a arma usada no dia do atentado, que seria uma submetralhadora 9mm. Ainda foi encontrado na residência um colete a prova de balas.

    O atentado

    Na madrugada de segunda-feira (24) 11 pessoas ficaram feridas e quatro morreram em um atentado a uma boate, em Pedro Juan Caballero. As vítimas estavam na boate ‘Affter Offic’, situada na Avenida Dr. Francia, quando os pistoleiros se aproximaram em um Chevrolet Prisma e efetuaram vários disparos de fuzil e pistola 9mm.

    Várias pessoas que estavam no local foram atingidas. As brasileiras Sabrina Martins dos Santos, de 24 anos e Gabrielly Oliveira Antonella, de 19, não resistiram aos ferimentos. Dois homens também morreram durante o atentado.

    As vítimas feridas foram identificadas como os paraguaios Cinthia Carolina Fernández, de 19 anos, Denis Kawasoko, Jorge Enrrique Yunis Ledezma, de 21, Sergio Javier Orlando Galeano, de 21, Víctor Inocencio Benítez, 28, Carlos Augusto Coronel Fleitas, de 21, Pedro Lucas de Moraes, Jessica Paola Romero e um adolescente de 17 anos. Eles foram levados para o hospital da cidade.

    Carro incendiado

    O carro usado no atentado a uma boate de Pedro Juan Caballero que deixou quatro brasileiros mortos, foi encontrado completamente queimado na madrugada desta terça-feira (25). O veículo, um Chevrolet Prima foi localizado ainda em chamas ao lado de um dos cemitérios da cidade paraguaia, que faz divisa com Ponta Porã, a 346 quilômetros de Campo Grande.

    De acordo com o site Amambay Digital, um telefonema anônimo denunciou a polícia que um veículo estava pegando fogo ao lado Cemitério Municipal de San Carlos, próximo ao Rio Aguaray. No local, os policiais encontraram o Prisma ainda em chamas e o Corpo de Bombeiros foi acionado para controlar o incêndio. O carro, segundo a imprensa paraguaia, não possuía placas, mas era do mesmo modelo e características do usado pelos pistoleiros no atentado que deixou quatro mortos e 11 feridos durante a madrugada desta segunda-feira (24) na boate ‘Affter Offic’.

    Fonte: Midiamax
    Por: Thatiana Melo
    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS