Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    terça-feira, 16 de maio de 2017

    Itaporã fará mobilização no dia Nacional de Combate ao Abuso e a exploração Sexual de Crianças e Adolescentes


    Com o objetivo de mobilizar a sociedade Itaporaense e convocá-la para o engajamento contra a violação dos direitos sexuais de crianças e adolescentes, a prefeitura de Itaporã através da Gerencia de Assistência Social fará uma grande mobilização no próximo dia 18 de maio, Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

    No dia 18 acontecerá uma panfletagem durante o dia nas escolas, pontos de grandes movimentos, postos de saúde e em todos os quadrantes do munícipio. Além da panfletagem, haverá uma palestra no mesmo dia às 19:30 no plenário da Câmara de Vereadores com a palestrante Nilzeli Soares do Comcex (Comitê de Enfrentamento da Violência e de Defesa dos Direitos Sexuais de Crianças e Adolescentes).

    Estrão envolvidos nesta ação, as Psicólogas Adriana Regina Morais, Karina Nataly, a Assistente social Larissa Miranda e a assistente administrativa do CREAS Claudete Melgarejo, além da equipe do CRAS que está diretamente envolvida no evento.

    Segundo a psicóloga Adriana Moraes, esta ação é de suma importância e vem com objetivo de conscientizar toda a comunidade sobre as formas de combater efetivamente este grave problema social.

    Os profissionais alertam sobre como denunciar através do disque denuncia (Disque 100) que está a disposição 24 horas, além do CRAS, que está de portas abertas em horário comercial onde as pessoas podem procurar e denunciar anonimamente ou pelo telefone 3451-1655.

    Há também o Conselho Tutelar (3451-2244 e 99635-6787).

    É necessário ter certeza sobre a denúncia, com nome da vitima, agressor, tipo de violência e endereço. Em caso de maus tratos e abandono, informar a frequência, para que a denúncia tenha consistência e sendo confirmada, os órgão competentes possam tomar as providencias cabíveis.

    O prefeito Marcos Pacco conclama toda a sociedade para este relevante evento e coloca todo o sistema da Assistência Social engajado nesta luta que é de todos.

    Diferença entre Abuso e Exploração Sexual

    O abuso sexual envolve contato sexual entre uma criança ou adolescente e um adulto ou pessoa significativamente mais velha e poderosa. As crianças, pelo seu estágio de desenvolvimento, não são capazes de entender o contato sexual ou resistir a ele, e podem ser psicológica ou socialmente dependentes do ofensor. O abuso acontece quando o adulto utiliza o corpo de uma criança ou adolescente para sua satisfação sexual. Já a exploração sexual é quando se paga para ter sexo com a pessoa de idade inferior a 18 anos. As duas situações são crimes de violência sexual. A intenção dos 18 de maio é destacar a data para mobilizar e convocar toda a sociedade a participar dessa luta e proteger nossas crianças e adolescentes. A data reafirma a importância de se denunciar e responsabilizar os autores de violência sexual contra a população infanto-juvenil.


    Fonte: ASSECOM
    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS