Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    terça-feira, 8 de novembro de 2016

    Tiroteio que acabou com dois mortos aconteceu por causa de mulher

    Informação foi apurada em investigação do delegado Cleverson Alves

    Tiroteio deixou dois mortos e três feridos - Foto: Valdenir Rezende/Correio do Estado

    Advogado de defesa dos dois irmãos suspeitos de terem assassinado duas pessoas e ferido outro três em tiroteio voltou atrás em decisão de apresentá-los à polícia e delegado responsável na investigação encaminhou à Justiça pedido de prisões. O motivo do crime teria sido desentendimento por causa de mulher.

    De acordo com o delegado Cleverson Alves, ontem, advogado havia prometido que iria apresentar os clientes para prestarem esclarecimentos. No entanto, momentos depois voltou atrás. “Diante disso, representei pela prisão dos dois e ainda aguardo decisão da Justiça”, pontuou a autoridade policial.

    Ainda de acordo com o delegado, discussão entre um dos irmãos e um dos jovens que acabou morto havia ocorrido momentos antes do crime, em outro endereço, por causa de mulher. “Temos informação que discutiram pouco antes, em outro lugar e o motivo do desentendimento seria mulher. Mas, ainda estamos em investigação”, disse Cleverson.

    No dia do crime, testemunhas relataram que antes de atirar a dupla teria perguntado por pessoa de apelido “Igrejinha”. Para o delegado, foi estratégia para ''tentar desfocar a situação''. Os irmãos apontados como autores têm 19 e 22 anos e contaram com apoio de comparsa que ajudou na fuga. Nenhum dos envolvidos havia sido encontrado até a manhã desta terça-feira.

    Caso

    O caso aconteceu na noite de domingo (6), na Rua Cora, no Bairro Guanandi, em Campo Grande. Grupo de amigos estava sentado em frente de casa quando dois autores chegaram a pé, atirando. Alex Duarte Ferreira, de 17 anos, e Mykael Vinicius Godoy Rolon, de 22 anos, morreram enquanto era socorridos.

    Garoto de 13 anos foi agredido com coronhada e outros dois jovens foram baleados, entre eles adolescente, de 16 anos, que estava em estado grave e foi submetido a duas cirurgias, na Santa Casa. Na manhã de hoje, ele estava internado no Centro de Tratamento Intenso (CTI), segundo assessoria de comunicação do hospital.



    Fonte: CE
    Por: LAURA HOLSBACK
    Link original: http://www.correiodoestado.com.br/cidades/campo-grande/tiroteio-que-acabou-com-dois-mortos-aconteceu-por-causa-de-mulher/290788/

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS