Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    11/01/2019

    Maia articula 'traições' na esquerda e no MDB por reeleição na Câmara

    Presidente da Casa trabalha nos bastidores após PSB anunciar que irá apoiá-lo

    ©Marcelo Camargo/Agência Brasil
    Após o anúncio de que o PSB não estará a seu lado na eleição para a presidência da Câmara, o atual presidente da Casa, Rodrigo Maia, estaria articulando nos bastidores para que deputados de partidos de esquerda e do MDB "traiam" os acordos de cúpula e optem por ele no momento do voto, que é secreto.

    Segundo a Folha de S. Paulo, Maia espera ter um terço dos votos do PT e do PDT e mais uma parcela oriunda de parlamentares do MDB, partido do qual teria apoio de alguns senadores que o estariam ajudando no trabalho de articulação.

    A principal ala de oposição ao presidente da Câmara é liderada por PP e MDB, que espera agregar também a maior parte das siglas de esquerda.

    NAOM



    Imprimir