Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    08/11/2018

    Sequestro, estupro e tortura de jovem em MS

    Vítima conseguiu fugir após jogar água quente no sequestrador

    Jovem foi estuprada e torturada ©Divulgação Polícia
    Investigações do sequestro, tortura e estupro de uma jovem na zona rural de Iguatemi levaram a polícia até um adolescente de 16 anos que teria ajudado os autores do crime. De acordo com o delegado Pablo Ricardo Reis, responsável pelo caso, o menor de idade é irmão da vítima.

    O caso veio à tona na tarde desta quarta-feira (8) depois que a jovem jogou água quente no rosto de um dos sequestradores para conseguir se livrar do cárcere. Os autores seriam o ex-namorado da vítima e a ex-mulher do atual namorado da jovem, pai do filho que ela espera. Os suspeitos não aceitavam a separação e o novo relacionamento da vítima.

    “Os dois ex se juntaram para arquitetar e cometer crime. Foi um caso passional, motivado por vingança e para isso, os dois contaram com o irmão da vítima que os ajudou a levá-la até o sítio onde ela ficou refém e foi torturada”, explica o delegado.

    O caso

    Uma jovem viveu momentos de terror ao ser sequestrada, torturada e estuprada pelo ex-marido, na zona rural de Iguatemi. A vítima só conseguiu se livrar do cárcere quando jogou água quente no sequestrador, na tarde desta quarta-feira (7).

    Conforme informações policiais, uma força-tarefa entre as delegacias de Eldorado e Iguatemi prendeu em flagrante os suspeitos.

    Fonte: Midiamax
    Por: Clayton Neves


    Imprimir