Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    04/04/2018

    TRÊS LAGOAS| Tonhão retorna a função de vereador

    © Divulgação
    A sessão desta terça-feira (3) foi marcada pelo retorno do vereador Tonhão à Câmara. Ele havia se licenciado do cargo e exercia a função de secretário municipal de Desenvolvimento Econômico. 

    No discurso inicial, Tonhão fez um breve resumo dos 15 meses à frente da Secretaria. Ele afirmou que logo serão colhidos, os primeiros frutos, do primeiro ano de gestão, do prefeito Ângelo Guerreiro.
    Neste sentido, ele citou o levantamento feito no Industrial, um diagnóstico econômico do município, elaborado no tempo como secretário. 

    Tonhão ainda afirmou que buscou se aproximar e incentivar os empresários (qualificação de fornecedores), bem como, buscou dar destaque e viabilizar ações em prol do turismo local. 

    O vereador retorna à Câmara para o quarto mandato e frisou que volta para somar com os colegas. "Eu tenho minha consciência tranquila sempre. Tenho a facilidade de olhar nos olhos das pessoas, sempre fiz um trabalho honesto e ilibado. Voltou de cabeça erguida", foram algumas palavras de Tonhão, na tribuna. 

    Ele ainda agradeceu os servidores da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e afirmou que nunca do feito nada às escuras e talvez tenha faltado o diálogo (sem citar nomes). 

    Todos os vereadores deram as boas vindas ao colega, bem como, lembraram da excelente retórica de Tonhão, frisando ainda a experiência parlamentar do mesmo. 

    Secretário 

    O secretário municipal de Desenvolvimento, José Aparecido de Moraes - que ocupara a pasta interinamente - também fez o uso da tribuna, para falar sobre as ações da Secretaria Municipal de Desenvolvimento.
    Ele agradeceu pela oportunidade e colocou a Secretaria a disposição dos vereadores, ressaltando que todos trabalharão preocupados em atender os interesses da população. 
    “A nossa preocupação será, primeiro, procurar a presidência desta Casa, os vereadores, para trazer os empresários, para que eles apresentem aos senhores as propostas deles e só depois dar início a tramitação dos projetos”, frisou Moraes. 

    Projetos 

    A pauta da sessão teve apenas um projeto para apreciação. Trata-se do projeto de lei nº 24, de autoria dos vereadores Luiz Akira, Sirlene dos Santos Pereira, Isabel Cristina Ferreira da Silveira e Marisa Andrade Rocha, que torna obrigatório o atendimento preferencial às pessoas com Transtorno do Espectr4o Autista, nos estabelecimentos públicos e privados, do município de Três Lagoas. 

    No paragrafo único, é definido ainda que o símbolo mundial do Transtorno do Espectro Autista seja inserido nas placas de atendimento prioritário.

    Fonte: ASSECOM 
    Imprimir