Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    26/03/2018

    Coluna do Roberto Costa


    VICEMANIA – Já que os números são favoráveis aos pré-candidatos a governador, Odilon de Oliveira (PDT), André Puccinelli (MDB) e Reinaldo Azambuja (PSDB), o que tem de gente interessada no cargo de vice é uma festa! 

    A ESCOLHA – O que muitos cidadãos (ãs) gostariam de saber é se a escolha leva em consideração a densidade eleitoral e/ou o saldo bancário? Cá entre nós: os dois juntos são de extrema importância. 

    NEM PENSAR – Quem acha que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, do PT, está ‘livre, leve e solto da condenação’, vai ter que esperar até o dia 4 de abril quando o martelo da justiça será batido. 

    VAI ÀS URNAS – O presidente da República, Michel Temer, do MDB, dá sinais de que vai tentar a reeleição, apesar do baixíssimo índice da aprovação popular. Vai que cola! 

    ECONOMIA – Com a menor taxa de juro já praticada nos últimos 20 anos, 6,5% ao ano, fica difícil entender tamanha rejeição ao nome de Temer. Dizem que são os escândalos de corrupção envolvendo seu nome. 

    À DISPOSIÇÃO – O secretário de Estado de Infraestrutura, Marcelo Miglioli, quer representar o PSDB nas eleições de outubro concorrendo a deputado federal e/ou senador da República. 

    SEM FUSÃO – O deputado estadual José Almi Pereira Moura, o Cabo Almi, do PT, não crê na unificação das polícias Civil e Militar como ação indispensável para combater a violência. 

    FRONTEIRA – E por falar em violência, pesquisa aponta que a minimização da onda de criminalidade que tem como vítima, na maioria das vezes, pessoas inocentes, passa pelo fechamento das fronteiras. Será? 

    NOVA COMPOSIÇÃO - A reforma ministerial será anunciada na primeira semana de abril, de acordo com informações do ministro-chefe da Secretaria de Governo, Carlos Marun. Se fosse dia 1º... 

    ACOLHEDORA I – A Prefeitura Municipal vai colocar em prática um projeto pioneiro no País, visando um olhar social e apurado em direção às pessoas que hoje se encontram em situação de rua em Campo Grande. 

    ACOLHEDORA II – O Executivo tem atuado para a implantação do projeto ‘Campo Grande Acolhedora’, que pretende articular uma rede de proteção e cuidado para pessoas e famílias vulneráveis. 

    DOIS BICUDOS – André Puccinelli e Reinaldo Azambuja, de acordo com os bastidores da política, andam conversando sobre composição política. O difícil é saber quem é que vai ceder. 
    Há uma inocência na admiração: é a daquele a quem ainda não passou pela cabeça que também ele poderia um dia ser admirado.”  FRIEDRICH NIETZSCHE



    Imprimir