Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    17/02/2018

    Casal é encontrado com vida, 10 horas após sequestro no Bairro Amambai

    Garras hoje cedo na porta da casa da universitária.
    Depois de quase 10 horas de aflição, a família de Maria Eduarda Façanho Leão, 21, confirmou há pouco que a filha foi encontrada com vida pela Polícia Civil, junto ao noivo Eduardo Marques Rocha, de 26 anos. Os dois foram sequestrados ontem, por volta das 23h30.

    Não há informações sobre a condição de saúde dos dois, mas o casal foi encontrado no Bairro Campo Belo, região norte da cidade. A princípio, o veículo Voyage, onde os dois estavam no momento do crime, não foi localizado. Por volta das 9h30 deste domingo, equipe do Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Banco, Assaltos e Sequestros) saiu em diligência e chegou até o casal.

    O sequestro ocorreu ontem à noite na rua dos Barbosas, no bairro Amambaí, quando o casal se despedia na porta da casa dela. Uma vizinha viu quando dois homens bateram no vidro do VW Voyage (prata, placas HTQ-6608) e exigiram que a porta fosse aberta. Conforme o relato, o veículo saiu normalmente, enquanto a testemunha chamou a irmã e a mãe de Maria Eduarda para alertar sobre o assalto.

    Elas conseguiram avistar o carro duas quadras à frente, virando a esquina para entrar na rua 26 de Agosto, rumo ao Centro. Maria Julia, irmã de Maria Eduarda, disse que o rastreador do celular da irmã havia alertado sobre sua chegada em frente ao condomínio onde vivem. Contudo, depois o telefone teria sido desligado, deixando de transmitir o sinal.

    Segundo a irmã da garota, Eduardo costuma deixar a noiva em casa nesse horário. Maria Eduarda é fotógrafa e acadêmica de Jornalismo da UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) e se forma no segundo semestre deste ano. Ontem, ela havia saído para fazer um ensaio, de onde seguiu para a casa do noivo. Eles haviam chegado há poucos minutos ao condomínio antes de o crime ocorrer.

    O casal está junto há três anos e está com casamento marcado para daqui a duas semanas, já se preparando, inclusive, para se mudarem do bairro. Maria Julia informou que ela e a mãe esperavam apenas esse fato para também deixarem a casa onde vivem há 11 anos.
    Casal foi sequestrado ontem e já está com casamento marcado © Arquivo Pessoal

    Fonte: campograndenews
    Por: Ângela Kempfer e Marcos Ermínio


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS