Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    domingo, 12 de novembro de 2017

    Operação prende 38 por rinha de galo e multa pode chegar a R$ 1 milhão

    Conforme policiais do Batalhão de Choque, até agora 38 pessoas foram presas e quatro armas apreendidas. No local, 48 animais foram apreendidos

    Animais confinados e gaiola e caixas foram apreendidos (Foto: Direto das Ruas)
    Operação da PMA (Polícia Militar Ambiental) em conjunto com o Batalhão de Choque para acabar com uma quadrilha de rinha de galos prendeu 38 pessoas, em Ribas do Rio Pardo, distante 266 quilômetros de Campo Grande. A multa aplicada pela polícia por crime ambiental pode chegar a R$ 1 milhão.

    Conforme policiais do Batalhão de Choque, até agora 38 pessoas foram presas e quatro armas apreendidas. No local, 48 animais machucados foram apreendidos. Cada autuado será multado em R$ 24 mil. Organizar ou participar de rinha é crime ambiental. A pena prevista é de três meses a um ano de detenção, além de multa. Os nomes dos envolvidos não foram divulgados pela polícia. 
    Armas e munições também foram apreendidos (Foto: Direto das Ruas)
    No mês passado, força tarefa entre as policias Civil e Militar também fechou uma rinha de galos, em uma residência no Jardim Noroeste, em Campo Grande. Oito galos domésticos estavam mutilados e ainda eram mantidos confinados em gaiolas de madeira apertadas, que não permitiam movimento e nem a entrada de luz. Um jovem de 22 anos, apontado como proprietário dos animais, foi autuado.

    Fonte: campograndenews
    por: Viviane Oliveira


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS