Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    terça-feira, 7 de novembro de 2017

    Com insuficiência cardíaca, Juvêncio é transferido para CTI da Santa Casa

    Ele aguardou por cinco horas atendimento em pronto socorro

    Juvêncio foi levado pela esposa, Suely Brandão, ao hospital depois de ter dificuldades para respirar na madrugada (Foto: Arquivo/Marcos Ermínio)
    Com insuficiência cardíaca, o ex-senador e ex-prefeito de Campo Grande Juvêncio César Fonseca, 82 anos, foi transferido para o CTI (Centro de Terapia Intensiva) da Santa Casa. Ele passou, nesta terça-feira (7), cinco horas aguardando atendimento no pronto socorro particular do hospital, depois de ter dificuldades respiratórias durante a madrugada. Sua esposa, Suely Brandão, o acompanha.

    Registro de entrada na Prontomed, conforme o SAC (Serviço de Atendimento ao Cliente) do estabelecimento de saúde, ocorreu por volta da 1h14. Juvêncio foi avaliado pela clínica médica às 6h20, pelo médico Luiz Ovando, que solicitou exames de imagem e ambulatoriais.

    Conforme apurado pelo Campo Grande News havia interesse da família em tranferir o ex-prefeito para o Proncor, onde o paciente já é acompanhado por outra profissional. Com abertura de vaga no CTI (Centro de Terapia Intensiva) da Santa Casa, a mudança foi momentaneamente suspensa. Juvêncio já presidiu o hospital.

    Na casa de Juvêncio, a informação é de que nenhum familiar poderia falar a respeito e que sua esposa o acompanha no hospital.

    Fonte: campograndenews
    por:Kleber Clajus


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS