Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    terça-feira, 10 de outubro de 2017

    TRÊS LAGOAS| Reabertura de três novas farmácias mostra humanização no atendimento à Saúde

    Respeito e atenção às pessoas que procuram atendimento nas Unidades de Saúde tem sido a principal recomendação do prefeito Ângelo Guerreiro

    © Divulgação
    Em pouco mais de nove meses da atual gestão, a Prefeitura de Três Lagoas, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, vem orientando todas as equipes de servidores a adotarem medidas de atenção e respeito a todas as pessoas que procuram atendimento nas Unidades de Saúde.
    © Divulgação 
    “Antes de qualquer coisa e o principal de tudo é tratar bem todas as pessoas. Elas merecem respeito, atenção e carinho, quando procuram atendimento nas nossas Unidades de Saúde”, tem recomendado o prefeito de Três Lagoas, Ângelo Guerreiro.

    Com esse objetivo, uma das primeiras medidas da atual gestão municipal foi reimplantar gradativamente o serviço farmacêutico e o atendimento de fornecimento de remédios em mais Unidades de Saúde.

    “Era desumano ver pessoas idosas, com dificuldades de locomoção e sem transporte, precisarem deslocar-se de bairros distantes para o atendimento da receita médica”, comenta a secretária de Saúde de Três Lagoas, Angelina Zuque.
    © Divulgação 
    Na gestão passada, esse serviço ficou restrito apenas a algumas Unidades de Saúde, denominadas de “polos farmacêuticos”, seis na sua totalidade, ou seja, nas farmácias do Centro de Especialidades Médicas (CEM), Estratégia de Agentes Comunitários de Saúde – EACS São Carlos, EACS Santa Luzia, Clínica da Criança e nas unidades de Estratégia de Saúde da Família – ESF Vila Alegre e ESF Paranapungá.

    Além do reabastecimento imediato dessas farmácias, mantidas abertas, o prefeito Angelo Guerreiro determinou à secretária de Saúde, que se efetuasse a reabertura de mais pontos de distribuição de medicamentos, ou seja, a abertura das farmácias em outras Unidades de Saúde.

    CLÍNICA DA MULHER

    Ao mesmo tempo em que eram tomadas as medidas legais de compra dos medicamentos, em falta nas Unidades de Saúde, havia também a urgência da contratação de farmacêuticos profissionalmente habilitados para trabalhar nas novas farmácias.

    Cumpridas as exigências legais, a Prefeitura de Três Lagoas reinaugurou a farmácia da Clínica da Mulher, no dia 23 de março, dando um passo a mais no processo de humanização do atendimento à saúde da população.

    “Na Clínica da Mulher, além de mulheres gestantes, são atendidas também pessoas idosas que necessitam regularmente de medicamentos”, observou Angelina Zuque.

    Fechada por mais de três anos, a farmácia desta importante unidade de Saúde foi reaberta, graças à contenção de despesas da atual gestão e remanejamento de recursos, que seriam destinados ao Carnaval.

    Na solenidade de entrega da farmácia da Clínica da Mulher, o prefeito Angelo Guerreiro já anunciou que haveria empenho de sua equipe para outras Unidades de Saúde voltarem também a ter farmácia.

    “Vamos dar prioridade às Unidades que possuem maior demanda de pacientes e que estejam distantes do Centro. Não é justo que a nossa população sofra desse jeito para ser atendida”, comentou Guerreiro.

    Na oportunidade, o prefeito de Três Lagoas determinou à secretária de Saúde que acelerasse os procedimentos necessários para implantar farmácia na Estratégia de Saúde da Família – ESF Jardim Maristela e, em seguida, a farmácia da ESF Jupiá.

    Em atendimento ao que foi anunciado pelo prefeito, a farmácia da ESF Jardim Maristela foi inaugurada na manhã do dia 15 de setembro, no mesmo dia em que foi também entregue à população daquele bairro e dos bairros adjacentes a Academia da Saúde, com uma equipe de profissionais, devidamente habilitados.

    Passados pouco mais de 15 dias dessa inauguração, no dia 3 de outubro, a Prefeitura de Três Lagoas entregou à população a farmácia da ESF Jupiá, que atende também às famílias do Cinturão Verde e do Assentamento Pontal do Faia.

    “Tenho muita alegria e satisfação pela atenção que todo o pessoal daqui me dá quando preciso. Agora melhorou mais ainda e não mais precisarei dar um jeito para ir até a Vila Alegre para pegar meus remédios”, disse dona Isabel da Silva Melo, dona de casa, de 90 anos e cheia de saúde e disposição para trabalhar “no meu pedacinho de chão”, informou.

    “Temos a satisfação de dizer que Três Lagoas está em primeiro lugar, nos índices de qualidade de atendimento à saúde dos 79 municípios de Mato Grosso do Sul. Mas isso não quer dizer que tudo está resolvido. Muita coisa ainda precisa ser melhorada”, comentou o prefeito.

    Como o fez na entrega de farmácias das outras Unidades, o prefeito antecipou à secretária de Saúde que se empenhasse em também reabrir o atendimento farmacêutico na ESF Santo André e na ESF Interlagos.
    © Divulgação 

    Fonte: ASSECOM


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS