Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    quarta-feira, 4 de outubro de 2017

    Mais Leite: Dia de Campo mobiliza produtores da região norte de MS

    O evento é realizado pelo Senar/MS e pelo Sindicato Rural de Camapuã

    © Divulgação
    O Senar/MS – Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, em parceria com o Sindicato Rural de Camapuã, realiza neste sábado (07) o primeiro Dia de Campo do programa de Assistência Técnica e Gerencial – ATeG Mais Leite. O evento acontece no centro de treinamento do sindicato rural.

    As inscrições são gratuitas e limitadas e podem ser feitas no sindicato rural do município. A iniciativa conta com o apoio institucional do Sistema Famasul, Sebrae/MS e da Agraer - Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural.

    A expectativa é mobilizar cerca de 300 pessoas de 14 municípios: Coxim, Pedro Gomes, Figueirão, Paranaíba, Cassilândia, Bandeirantes, Jaraguari, São Gabriel do Oeste, Camapuã, Sidrolândia, Terenos, Aquidauana, Dois Irmãos do Buriti e Rochedo.

    A programação contempla giro tecnológico em quatro estações: fertirrigação, milho hidropônico, produção de milheto e tratamento de eucalipto.

    “O objetivo é a transferência de tecnologias de baixo custo e eficientes para as propriedades da atividade leiteira, assim como a transferência de conhecimento e a troca de experiências entre os participantes”, explica a coordenadora do programa ATeG Mais Leite, Bruna Bastos.

    Esse será o segundo evento do Mais Leite em 2017. No dia 20 de maio, em Dourados, o dia de campo reuniu mais 300 pessoas para o encontro. “O impacto da primeira edição desse ano foi muito positivo! Tivemos diversas regiões que aplicaram as tecnologias vistas em Dourados, principalmente o milho hidropônico, que se mostrou como novidade e inovação de baixo custo”, aponta Bruna.

    Sobre o Sistema Famasul – O Sistema Famasul (Federação da Agricultura e Pecuária de MS) é um conjunto de entidades que dão suporte para o desenvolvimento sustentável do agronegócio e representam os interesses dos produtores rurais de Mato Grosso do Sul. É formado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Rural (Senar), Fundação Educacional para o Desenvolvimento Rural (Funar), Associação dos Produtores de Soja (Aprosoja/MS) e pelos sindicatos rurais do Estado.

    O Sistema Famasul é uma das 27 entidades sindicais que integram a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA). Como representante do homem do campo, põe seu corpo técnico a serviço da competitividade da agropecuária, da segurança jurídica e da valorização do homem do campo. O produtor rural sustenta a cadeia do agronegócio, respondendo diretamente por 17% do PIB sul-mato-grossense.

    Fonte: Assessoria de Comunicação Senar/MS 
    Por: Rodrigo Corrêa


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS