Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    terça-feira, 17 de outubro de 2017

    Lava Jato bloqueia 800 contas e mais de R$ 3 bilhões na Suíça

    Operação ainda não conseguiu encontrar os donos de R$ 2,52 bilhões

    © Kai Pfaffenbach/Reuters
    Embora o juiz Sergio Moro tenha mencionado a suposta proximidade do fim da Lava Jato, procuradores brasileiros alegam que a operação está longe de ser finalizada. Motivo: a extensão das investigações para outros países e instâncias.

    Como exemplo, segundo o Uol, as autoridades já bloquearam 800 contas e R$ 3,22 bilhões na Suíça, dos quais ainda não encontraram os donos de R$ 2,52 bilhões - apenas quando os responsáveis forem rastreados é que ações penais poderão ser abertas.

    O procurador Paulo Roberto Galvão revelou ao portal que R$ 769 milhões foram trazidos de volta aos cofres públicos do Brasil desde o início da operação, há três anos - ainda falta rastrear R$ 2,52 bilhões. "Esse é um ponto que mostra o tanto que a Lava Jato precisa andar em Curitiba e em outros locais", disse o investigador.

    Fonte: NAOM


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS