Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    09/10/2017

    BATAGUASSU| Campanha realiza 283 novos cadastros de doadores voluntários de medula óssea no município

    Um total de 283 cadastros de possíveis doadores voluntários de medula óssea foram realizados durante uma campanha promovida no dia 30 de setembro, em Bataguassu.

    © Micael Nunes
    A ação, parceria entre Secretaria de Estado de Educação, Coordenadoria Regional de Educação de Três Lagoas (CRE-12), Secretaria Municipal de Educação e Cultura (Semec), Secretaria Municipal de Saúde e Hemosul, foi desenvolvida simultaneamente no município e no Distrito de Nova Porto XV.

    Puderam participar da mobilização doadores voluntários com idade entre 18 e 55 anos, com bom estado de saúde.
    © Micael Nunes
    Durante o cadastro, em torno de 5 ml de sangue foram retirados do possível doador como em um exame de laboratório. O candidato, por sua vez, é cadastrado no Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea (Redome) coordenado pelo Instituto Nacional do Câncer (Inca). A partir da coleta, os dados genéticos dos doadores são cruzados com os dos pacientes que precisam da medula e se houver compatibilidade genética através do exame HLA, a doação pode ser realizada. 
    © Micael Nunes
    Conforme o Hemosul, o transplante de medula óssea é a única esperança de cura para milhares de portadores de leucemia e algumas outras doenças relacionadas a sangue.

    Para a mobilização, as escolas estaduais e municipais auxiliaram na divulgação da campanha, que envolveu ainda parceiros como Lions Clube e a Liga de Bataguassu Contra o Câncer.

    CAMPANHA ANTIRRÁBICA

    Na mesma data, a Secretaria Municipal de Saúde realizou o “Dia D” da Campanha Antirrábica, com o oferecimento de imunização para cães e gatos.

    Fonte: ASSECOM


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS