Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    segunda-feira, 4 de setembro de 2017

    Mulher morre após ter intestino perfurado em cirurgia; hospital apura

    Caso aconteceu em Dois Irmãos do Buriti

    © Ilustração
    Uma mulher de 47 anos morreu no último domingo (3) na Capital, por infecção generalizada decorrente da perfuração do intestino. De acordo com familiares, o fato aconteceu devido a um erro médico em uma cirurgia realizada na última semana no Hospital Municipal Cristo Rei, em Dois Irmãos do Buriti, cidade distante 84 km da Capital.

    Segundo uma parente da vítima que preferiu não se identificar, Júlia dos Santos Rodrigues passou por uma cirurgia na última terça-feira (29) para a retirada do útero por ter suspeitas de miomas. De acordo com a família, a histerectomia não oferecia riscos.

    Após a cirurgia, Júlia foi liberada na quarta-feira e voltou para casa, mas se queixava de dores. “Ela começou a sentir muita dor no abdômen e começou a ficar muito desconfortável, procurou o hospital e eles a encaminharam para Aquidauana. Só que lá, os médicos a encaminharam para Campo Grande”, disse a parente.

    Júlia chegou na Capital na madrugada de sexta-feira e passou por um procedimento somente às 19 horas da noite, quando foi constatado o rompimento do intestino. A familiar relatou que no domingo, a mulher faleceu após todas as medicações para tratar da infecção generalizada decorrente da perfuração. “A descoberta do rompimento do intestino foi através dos laudos dos médicos de Aquidauana e Campo Grande, que inclusive tiveram que operar ela de novo”, explicou a parente.

    Segundo o diretor do hospital, Gonçalo Flalvino Barbosa, será aberta uma sindicância para apurar o que aconteceu no atendimento da paciente. “Nós estamos esperando para conversar com médico primeiro para ver o que aconteceu”, disse.

    Fonte: Midiamax
    Por: Raiane Carneiro


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS