Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    21/09/2017

    Grevistas fazem piquete e ‘travam’ distribuição de encomendas para MS

    Funcionários que cruzaram os braços ontem tentam conquistar mais adesões

    Sindicalistas e PM em frente ao portão trancado da central de distribuição (Foto: André Bittar)
    Há quase cinco horas, a saída dos caminhões que distribuem encomendas e correspondências para todo o Mato Grosso Sul está impedida por funcionários dos Correios que paralisaram as atividades nesta quarta-feira (21).

    Os grevistas começaram um piquete em frente ao portão do CTCE (Centro de Tratamento de Cargas e Encomendas), na avenida Calógeras, por volta das 4h em busca de mais adesões para a greve que não fechou agências em Campo Grande.

    No pátio da central de distribuição, ao menos cinco carretas e quatro vans estão estacionadas, sem poder sair. O CTCE recebe encomendas e cartas de todo o Brasil, vindas da central de São Paulo, e distribui para o restante do Estado.

    Os manifestantes trancaram o portão com uma corda e fita crepe e afixaram cartazes com os dizerem “Estamos em greve” e “Greve dos Correios” na grade.

    Por volta das 8h30, ao menos três equipes PM (Polícia Militar) chegou ao local e negocia a saída dos grevistas. A assessoria de imprensa dos Correios informou que ainda não dimensionou os prejuízos.

    Fonte: campograndenews
    Por: Anahi Zurutuza e Mirian Machado


    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS