Campo Grande (MS),

  • LEIA TAMBÉM

    sexta-feira, 8 de setembro de 2017

    DOURADOS| ​​Em desfile, população aplaude programas sociais da prefeitura

    Moradores lotaram Avenida Marcelino Pires para assistir ao desfile de 7 de setembro em Dourados

    © A. Frota
    A prefeitura de Dourados e o Exército Brasileiro realizaram nesta quinta-feira, um dos maiores desfile de 7 de setembro dos últimos anos na cidade. Cerca de 20 a 25 mil pessoas, conforme avaliou a Polícia Militar, ocupou os dois lados da Avenida Marcelino Pires, entre as ruas Melvin Jones e Nelson de Araújo, para ver as atrações da parada cívica.

    O desfile foi dividido em duas partes. A primeira metade foi por conta do Exército, que apresentou viaturas e tropas, arrancando muitos aplausos da população e das autoridades que ocupavam o palanque oficial. A banda do Exército deu brilho ao evento.

    Na metade final, além de escolas das redes públicas, particular e profissionalizantes, dezenas de instituições desfilaram pela avenida, com as tradicionais fanfarras, carros alegóricos e atrações culturais e esportivas. Igualmente muito aplaudidas. O Coral da Semed, sob a regência da professora Marinalva, fez uma interpretação em frente ao palanque.

    A prefeita Délia Razuk, que fez a abertura das comemorações, e permaneceu no palanque oficial praticamente todo o desfile, comentou que estava feliz com o sucesso do evento, o primeiro organizado na sua gestão. “Pedimos às pessoas que estavam à frente da organização que queríamos uma festa bem bonita, bem organizada, para celebramos a Independência do Brasil. E assim foi feito. Ficou tudo muito bonito”, disse. Segundo ela, a administração seguirá incentivando o civismo e compromissada com as pessoas.

    Antes, nas primeiras horas da manhã, a chefe do executivo municipal participou da solenidade de hasteamento das bandeiras do Brasil, de Mato Grosso do Sul e de Dourados, junto com o vereador Braz Melo, representando o Legislativo, e o general Lourenço Willian, comandante da 4ª Brigada de Cavalaria Mecanizada. Em seguida, desfilou em carro aberto e, ao lado do general, passou a tropa em revista.

    Para a prefeita de Dourados, o desfile de 7 de setembro foi uma grande oportunidade para as pessoas conhecerem um pouco mais da grandeza dos projetos sociais que a prefeitura desenvolve junto a comunidade, principalmente nas áreas de cultura e de esporte, como, por exemplo, o Palco para Todos – Nace Cultura, que retorna com suas atividades oferecendo às crianças aulas de balé e artes visuais de forma gratuita nas academias de dança especializadas. A partir deste ano o projeto Palco para Todos levará aos bairros oficinas de circo, dança, música, dentre outras, sempre focados na inclusão sociocultural. Além do projeto Escola de Esporte da Funed, que atende aproximadamente mil crianças e adolescente em diversos pólos nas modalidades de futsal, handebol, voleibol, basquetebol, futebol de campo, vôlei de praia, tênis, tênis de mesa e ginástica rítmica.

    Destaque também para o programa Primeiro Passo e o projeto Dourados Paralímpico e Centro de Treinamento de Atletismo, as atividades oferecidas no complexo esportivo ‘Jorjão’, que atende anualmente cerca de 2 mil pessoas com natação, hidroginástica, karate, futsal, futebol, basquetebol, handebol, tênis, violão, recreação, dança de salão, dança do ventre, aeróbico e ritmos, alongamento, pilates, treinamento funcional, ginástica localizada e zumba, com alunos em todas as faixas etárias. Também o Centro de Apoio da Pessoa com Deficiência, que desenvolve com cadeirantes o projeto Basquete Sobre Rodas, além do resgate da Banda Lira Douradense, que está sendo reestruturada e volta a se apresentar ao público.

    Chamou a atenção a participação maciça das escolas da educação infantil, que apesar da greve na Educação, levaram em torno de 2 mil crianças de 36 Ceim’s para a avenida. E as escolas da zona rural – Fazenda Miya, do distrito de Guaçu, Padre Anchieta de Formosa e Coronel Firmino Vieira de Matos, de Macaúba, que participaram com suas fanfarras. 

    Também chamou a atenção uma senhora de 83 anos, que desfilou com o grupo do Ceeja (Centro de Educação de Jovens e Adultos) carregando um cartaz onde estava escrito “o amor pelo saber não tem idade”.

    Em todo o trajeto do desfile a prefeitura providenciou o esquema de segurança, com policiais, agentes de trânsito e ambulâncias para garantir a tranquilidade das famílias que compareceram em grande número.









    DDOS_07-09-1720.jpg
    DDOS_07-09-1721.jpg
    DDOS_07-09-1702.jpg
    DDOS_07-09-1703.jpg
    DDOS_07-09-1704.jpg
    DDOS_07-09-1705.jpg
    DDOS_07-09-1706.jpg
    DDOS_07-09-1707.jpg
    DDOS_07-09-1708.jpg
    DDOS_07-09-1709.jpg
    DDOS_07-09-1710.jpg
    DDOS_07-09-1711.jpg
    DDOS_07-09-1712.jpg
    DDOS_07-09-1713.jpg
    DDOS_07-09-1714.jpg
    DDOS_07-09-1715.jpg
    DDOS_07-09-1716.jpg
    DDOS_07-09-1717.jpg
    DDOS_07-09-1718.jpg
    DDOS_07-09-1719.jpg


    Fonte: ASSECOM

    Imprimir

    RECENTES

    POLÍTICA

    CONCURSOS